Topo

Vini Jr. encanta Casemiro, mas Tite o coloca como dúvida para Copa América

REUTERS/Susana Vera
Vinicius Júnior arrisca chute antes de se machucar em partida do Real Madrid Imagem: REUTERS/Susana Vera
do UOL

Danilo Lavieri

Do UOL, no Porto (Portugal)

2019-03-22T17:38:01

22/03/2019 17h38

"O Vinicius Júnior, nos últimos dois meses, estava em um nível excepcional. Ele estava jogando para ser um dos melhores do mundo. O que ele estava jogando no Real Madrid não era normal. Ser atrevido do jeito que estava sendo com a camisa do Real Madrid não é fácil".

A frase acima é a definição de Casemiro, capitão da seleção brasileira, sobre o desempenho da revelação do Flamengo nos seus primeiros meses no futebol europeu.

O encantamento pelo seu futebol, no entanto, pode não ser o suficiente para que o atleta de 18 anos seja chamado para a disputa da Copa América, marcada para começar em junho, no Brasil. Tite afirmou que a lesão que o afasta dos gramados por pelo menos dois meses dificulta a sua convocação. É provável que o atacante volte a ter condições de jogo dias antes da data em que a lista será anunciada.

"Dificulta, sim, mas não retira (a chance de ser convocado por conta da lesão)", afirmou. "Não tenho problema nenhum em voltar atrás para dizer que, para mim, o Vinicius Júnior era médio prazo, mas a realidade me mostrou diferente. O nível que ele apresentou no Real Madrid o credenciou para ser convocado", ponderou.

O jovem atacante era um dos nomes mais fortes de uma renovação projetada pela comissão técnica após a Copa do Mundo. Além dele, outros convocados como Lucas Paquetá, que será o camisa 10, Éder Militão e David Neres fazem parte de um grupo de atletas observados que precisam convencer Tite que já estão prontos para atuar.

Cléber Xavier, auxiliar de Tite, explicou que há a preocupação de dar chance para que os jovens consigam uma sequência para provar que merecem a convocação.

"A gente já pensou algumas coisas para esses dois jogos. Temos alguns nomes que queremos usar. O Fabinho está muito bem, o Allan foi muito bem na convocação passada. Precisamos dar chances para eles. Chance para o Paquetá, que a gente não pôde chamar outras vezes, o Arthur precisa dessa continuidade. Precisamos desenvolver um conjunto", finalizou.

Neste sábado, contra o Panamá, no penúltimo teste de Tite a escalação de Tite será a seguinte: Ederson; Fágner, Miranda, Éder Militão e Alex Telles; Casemiro; Coutinho, Arthur, Paquetá e Richarlison; Roberto Firmino.

Mais Esporte