Topo

Jesus confirma escalação do Flamengo para final: 'Não há o que esconder'

Everton Ribeiro e o técnico Jorge Jesus, do Flamengo, em coletiva na véspera da final da Libertadores - Leo Burlá / UOL
Everton Ribeiro e o técnico Jorge Jesus, do Flamengo, em coletiva na véspera da final da Libertadores Imagem: Leo Burlá / UOL
do UOL

Leo Burlá e Rodrigo Mattos

Do UOL, em Lima (PER)

22/11/2019 20h06

Ao contrário de outras ocasiões, em que fazia mistérios sobre o time, o técnico Jorge Jesus confirmou a escalação do Flamengo: será o time tradicional que vem jogando as principais partidas decisivas. Assim, adotou atitude igual a do técnico do River Plate Marcelo Galhardo que também deu a sua formação titular.

O time anunciado por Jesus é: Diego Alves, Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Arão, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol.

"Gallardo sabe que um time não vai deixar de ser na final aquilo que tem como ideia. E, portanto, amanhã, se não acontecer nada, a equipe que vamos lançar é que a mesma que vinha jogando a jogar. Não há muito a esconder quando esta escalação é a que dá mais segurança", disse Jesus.

Em seguida, o treinador português ressaltou que considera o Flamengo o maior clube do mundo. Não se refere ao aspecto esportivo, mas a questão da repercussão pelo número de torcedores.

Esporte