Topo

Manchester City se reabilita com estilo no Inglês e faz 8 no Watford

21/09/2019 14h23

Redação Central, 21 set (EFE).- O Manchester City, derrotado no último fim de semana no Campeonato Inglês, se reabilitou neste sábado com goleada avassaladora sobre o Watford por 8 a 0, em casa, a maior da equipe na história recente da competição, em dia de derrotas de Tottenham e Everton.

O time comandado pelo espanhol Josep Guardiola foi implacável, uma semana após cair diante do Norwich, e levou à loucura a torcida que compareceu ao Etihad Stadium, com direito a cinco gols marcados em apenas 18 minutos após o apito inicial do árbitro Mike Dean.

O artilheiro da partida foi o meia português Bernardo Silva, que balançou a rede três vezes. O meia espanhol David Silva, o atacante argentino Sergio Agüero, o meia-atacante argelino Riyad Mahrez, o zagueiro argentino Nicolás Otamendi, e o meia belga Kevin de Bruyne também marcaram.

Este é o resultado mais expressivo obtido pelos 'Citizens' - que tiveram o goleiro Ederson e o volante Fernandinho entre os titulares - desde a temporada 1992-1993, quando o Campeonato Inglês passou a ser organizado pela Premier League, liga formada pelos clubes da elite do futebol da Inglaterra.

Com a vitória de hoje, a equipe azul de Manchester chegou aos 13 pontos e voltou a ocupar a segunda colocação na tabela de classificação. O Watford, por sua vez, segue na lanterna da competição, com apenas dois pontos.

Mais cedo, o Leicester chegou a alcançar o segundo lugar de maneira provisória, ao vencer em seus domínios, de virada, o Tottenham por 2 a 1. O atacante inglês Harry Kane abriu o placar no primeiro tempo, mas depois do intervalo, o lateral-direito português Ricardo Pereira igualou e o meia inglês James Maddison virou.

Derrotado pela segunda vez no Inglês, o Tottenham teve dois gols anulados a partir da revisão das imagens pela equipe do VAR, o primeiro anotado pelo atacante sul-coreano Heung-Min Son, e o segundo do lateral-direito marfinense Serge Aurier.

O único brasileiro em campo na partida foi o meia-atacante Lucas Moura, que começou com reserva nos 'Spurs' e entrou em campo apenas aos 41 do segundo tempo, substituindo o meia francês Tanguy Ndombele. Outro que só jogou os minutos finais foi o meia dinamarquês Christian Eriksen.

Com a vitória, o Leicester chegou aos 11 pontos e ocupa provisoriamente a terceira colocação no campeonato. O Tottenham, por sua vez, se manteve com oito pontos, agora no quinto lugar, mas ainda pode descer mais na classificação com o decorrer da rodada.

Em Liverpool, o Everton voltou a decepcionar, em jogo que contou com Richarlison e Bernard no ataque, e perdeu para o Sheffield United por 2 a 0. O zagueiro colombiano Yerry Mina, ex-Palmeiras, contra, e o atacante francês Lys Mousset marcaram os gols da partida.

Já o Burnley se afastou da zona de rebaixamento ao derrotar, em casa, o Norwich por 2 a 0. O grande nome da partida foi o atacante neozelandês Chris Wood, que balançou a rede duas vezes no jogo. EFE

Mais Esporte