Topo

Atacante é multado após dizer ser "estranho jogador de cor" na Rússia

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram
do UOL

Do UOL, em São Paulo

2019-03-26T13:14:55

26/03/2019 13h14

A Federação Russa de Futebol multou o atacante Pavel Pogrebniak em R$ 15 mil pela declaração discriminatória que ele deu no meio deste mês. Na ocasião, o veterano afirmou ser "estranho que um jogador de cor jogue pela seleção russa".

A declaração foi feita por causa da convocação do brasileiro naturalizado russo Ari, que é negro e desde o ano passado joga pela seleção russa.

Em nota oficial, a Federação Russa afirmou que o valor da multa será revertido para implementação de projetos especiais para combater a discriminação. Além disso, ele poderá ser impossibilitado de jogar até o fim da temporada caso repita uma nova ofensa discriminatória.

Na ocasião em que deu a declaração, Pogrebniak ainda criticou a presença de outro brasileiro naturalizado na seleção: o lateral-direito Mário Fernandes, que disputou a Copa do Mundo pelo país anfitrião no ano passado.

"Nessa posição também temos Igor Smolnikov. Poderíamos ter continuado sem estrangeiros", afirmou o jogador do Ural, da primeira divisão do Campeonato Russo.

Mais Esporte