PUBLICIDADE
Topo

Neto diz que Sampaoli "não sabe nada de futebol" e que TIte deveria cair

Neto, apresentador do Os Donos da Bola - Divulgação
Neto, apresentador do Os Donos da Bola Imagem: Divulgação
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

27/03/2020 19h17

Em participação no Expediente Futebol, do Fox Sports, hoje (27), Neto afirmou que Jorge Sampaoli não acrescentou nada ao futebol brasileiro e que seu trabalho no Santos foi como de diversos outros treinadores. O apresentador da TV Band também disse que demitiria Tite imediatamente, se estivesse no comando da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Questionado sobre o impacto dos treinadores estrangeiros no futebol brasileiro na temporada passada, Neto criticou a passagem de Sampaoli no Santos.

"Sampaoli não sabe nada de futebol. Na Argentina, foi comandado pelo Mascherano e pelo Messi. Ele ganhou dois títulos importantes na vida. No Santos, ele não fez nada de mais. Todo mundo que vai treinar o Santos, trabalha daquele jeito, é o jeito do Santos. Ganhou Ele não revolucionou nada", declarou.

Por outro lado, o apresentador exaltou o trabalho de Jorge Jesus, técnico do Flamengo. Neto disse que o português "calou a sua boca", uma vez que ele criticou o treinador no início de sua passagem pelo clube rubro-negro.

"Agora, o Jorge Jesus sim. Ele calou a minha boca. Ele revolucionou colocando o Gérson como volante, revolucionou colocando o Everton Ribeiro no lugar do Diego, revolucionou colocando o time titular de quarta e domingo e, mesmo sem um elenco tão grande, conquistou os títulos. E agora ele melhorou o elenco do Flamengo, deixando o Flamengo como um dos melhores times do mundo, na minha opinião", completou.

Neto afirmou ainda que Tite não é a pessoa certa para comandar a seleção brasileira. O apresentador afirmou que gostaria de ver Guardiola ou Renato Gaúcho como treinador do Brasil.

"Se eu fosse o Caboclo, eu mandaria o Tite embora hoje e colocaria ou o Renato Gaúcho ou o Guardiola. Acho que se for para ser estrangeiro, tem que ir buscar o Guardiola, não o Jorge Jesus. De qualquer forma, acho que o Renato Gaúcho está pronto para assumir a seleção brasileira e ele tem mostrado isso com o trabalho de mais de três anos lá no Grêmio em que ele manteve um padrão de jogo e recuperou um monte de jogador mediano", disse.

Esporte