PUBLICIDADE
Topo

Mbappé revela quais são seus ídolos e enaltece brasileiros

22/01/2020 16h35

Roma, 22 jan (EFE).- O atacante francês Kylian Mbappé, do Paris Saint-Germain, concedeu entrevista ao jornal italiano "La Gazzetta dello Sport" em que falou sobre os seus ídolos dentro do futebol e enalteceu o futebol do compatriota Zinedine Zidane, mas também citou vários brasileiros.

"Se você é francês, obviamente cresce com Zidane como ídolo. Depois, outro ídolo era Cristiano Ronaldo, a quem tive a sorte de enfrentar, tanto por clube quanto pela seleção. Também me encantavam os grandes jogadores brasileiros, como Pelé, Ronaldinho, Ronaldo e Kaká", afirmou o jovem de 21 anos em entrevista publicada nesta quarta-feira.

Com tão pouca idade, Mbappé já é campeão do mundo com a seleção francesa, multicampeão pelo Paris Saint-Germain e dono de diversos prêmios individuais, entre eles a de integrante do Time do Ano da Fifa em 2018 e 2019.

"Aos meus fãs quero dar a mensagem de um menino que acreditou em seu sonho, dando tudo de si, tentando superar seus limites e deixar uma marca no meu esporte", destacou.

No PSG, Mbappé divide o protagonismo com outro atacante, Neymar, jogador mais caro de toda história ao ter custado 222 milhões de euros aos cofres do clube francês. O jovem francês disse que a relação com o brasileiro é boa.

"Neymar é um grande jogador, com quem tenho uma boa relação fora de campo. Ele viveu temporadas difíceis, mas está recuperando o seu melhor nível, o que é uma boa para todos os torcedores do Paris Saint-Germain e os que amam o futebol", comemorou.

O atacante francês revelou também que para o futuro de sua carreira ele se inspira em Cristiano Ronaldo, que conseguiu ser campeão em três países diferentes: Inglaterra, onde defendeu o Manchester United; Espanha, onde brilhou por uma década com a camisa do Real Madrid; e Itália, país em que vive atualmente atuando pela Juventus.

"Para mim, já é tarde para fazer uma carreira como a de Messi, eu teria que ter ficado no Monaco. Sem tirar nenhum mérito de Messi, agora tenho que me inspirar de qualquer forma na carreira de Cristiano", explicou.

Mbappé tem profunda admiração por Cristiano Ronaldo, que ele acredita poder ajudar a Juventus a quebrar um jejum de 24 anos sem conquistar o título da Liga dos Campeões.

"A Juventus é uma equipe forte, e as finais que disputou nas últimas temporadas (foi vice em 2015 e 2017) provam isso. Sempre lhes faltou algo que fizesse a diferença, e agora eles têm isso graças a Cristiano. Ele é o jogador que te faz ganhar as coisas importantes. Neste ano, a Juventus está entre as favoritas, mas há também os habituais Real Madrid, Barcelonae Liverpool", analisou.

Esporte