Topo

NFL terá duelo de perdedores com ingresso mais barato que pizza e zoológico

Torcedores do Miami Dolphins assistem a jogo contra o Los Angeles Chargers; estádio da franquia da Flórida não tem enchido - Eric Espada/Getty Images/AFP
Torcedores do Miami Dolphins assistem a jogo contra o Los Angeles Chargers; estádio da franquia da Flórida não tem enchido Imagem: Eric Espada/Getty Images/AFP
do UOL

Lucas Tieppo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/10/2019 04h00

A semana 6 da NFL terá confronto entre dois times que ainda não venceram desde o início da temporada regular, e a expectativa não podia ser pior. Hoje (13), Miami Dolphins e Washington Redskins se enfrentam na Flórida em duelo que a imprensa norte-americana apelidou de "Winless Bowl" (final entre times sem vitória, em tradução livre para o português) e terá ingressos mais baratos do que uma pizza ou uma ida ao zoológico local.

Dolphins e Redskins perderam todos os jogos disputados nesta temporada, mas o primeiro tem uma derrota a menos por ter folgado na última semana. As equipes não estão sozinhas. O New York Jets e o Cincinnati Bengals também não venceram na campanha.

A pergunta que fica é: no duelo Dolphins e Redskins, quem vai levar a melhor neste domingo? As duas equipes vivem situações um pouco diferentes apesar de terem o mesmo retrospecto. A equipe de Miami passa por grande reformulação, trocou alguns bons jogadores por escolhas no draft e abriu espaço na folha salarial. Por tudo isso, a expectativa por bons resultados em 2019 já era baixa.

Já o time de Washington até sonhava com uma vaga nos playoffs nesta temporada. Para isso, trouxe um quarterback novo e promissor, mas viu os planos naufragarem até a demissão precoce do técnico Jay Gruden.

No caso dos Dolphins, há até uma movimentação entre os próprios torcedores do time para que ele perca o o maior número de jogos possível para ter a primeira posição no Draft de 2020 e poder escolher um quarterback, provavelmente a promessa Tua Tagovailoa. É o "Tank for Tua".

A situação é um pouco diferente nos Redskins. A temporada começou com a expectativa pela utilização do quarterback Dwayne Haskins, escolhido na 15ª posição do Draft desde ano, mas o novato ainda não teve chances, e o objetivo de brigar por uma vaga nos playoffs ficou mais difícil.

As cinco derrotas logo de cara levaram à demissão do técnico Jay Gruden no começo desta semana e praticamente acabaram com as chances de classificação para a pós-temporada. Porém, pouca coisa deve mudar no time, que já começa a pensar também na próxima campanha.

Um bom exemplo da expectativa negativa que envolve o jogo é o valor dos ingressos para o Hard Rock Stadium, casa do Super Bowl 54 em fevereiro de 2020. Geralmente, as entradas para um jogo da NFL estão entre as mais caras e custam centenas de dólares, mas não para este Dolphins x Redskins.

É possível encontrar ingresso por até 16 dólares (R$ 66) para setores pouco desejados pelos torcedores, valor menor do que o pago para entrar no zoológico de Miami (23 dólares), por exemplo.

Já o site Fansided comparou o valor da entrada em um setor mais bem localizado (cerca de 20 dólares) com outras atividades que você pode realizar com o dinheiro. A lista é grande: comprar uma pizza grande na Pizza Hut, encher o tanque de combustível e até ir ao cinema.

Entrevistão: Everaldo Marques, a voz dos esportes americanos da ESPN

UOL Esporte

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Esporte