PUBLICIDADE
Topo

Daniel Alves, Elias e mais: atletas rebatem discurso de Bolsonaro

Presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto - Ueslei Marcelino
Presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto Imagem: Ueslei Marcelino
do UOL

Do UOL, em São Paulo

25/03/2020 14h00

O pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ontem (24) incomodou alguns atletas. Normalmente adotando uma postura mais discreta sobre política, as personalidades esportivas usaram suas redes sociais para criticar a fala do chefe do Executivo, que criticou a "histeria" em relação ao Coronavírus e pediu para que as pessoas deixem o isolamento.

Durante sua fala, Bolsonaro disse que por, segundo ele, "ter um histórico de atleta", não sofreria caso pegasse o Coronavírus, chamando de "uma gripezinha".

"No meu caso particular, pelo meu histórico de atleta, caso fosse contaminado pelo vírus não precisaria me preocupar, nada sentiria ou seria quando muito, acometido de uma gripezinha ou resfriadinho", disse o presidente.

A postura gerou reação de Daniel Alves, capitão da seleção brasileira. Em suas redes sociais, o lateral-direito do São Paulo rebateu o presidente da República.

"Senhor presidente, respeito muito a sua presidência, respeito muito vossa senhoria, mas são muitas famílias e muitas pessoas trabalhando em prol do combate a essa pandemia, e o senhor, como a pessoa mais importante desse país, deveria também prezar pelo bem do nosso país e do nosso povo. É um momento muito difícil para o mundo e para nossa população, não devemos desfazer dessa situação, sobretudo, se não temos cura para ela. Como um humilde cidadão, eu venho expressar a minha opinião, pois não quero viver sem poder compartilhar momentos com as pessoas nem viver com medo delas! QUE DEUS ABENÇOE O BRASIL E O MUNDO!", postou o são-paulino.

Além de Daniel Alves, outros atletas do futebol, como Elias (ex-Atlético-MG), Ramiro (Corinthians) e Cristiane (Santos), e de outros esportes, se manifestaram contrários à postura de Bolsonaro.

Elias

Cristiane

Reprodução
Imagem: Reprodução

Ramiro

Reprodução
Imagem: Reprodução

Sheilla (vôlei)

"Gente, gostaria de pedir para que vocês fiquem em casa. Não é uma gripezinha qualquer, senão o mundo não estaria mobilizado para tentar resolver, não teríamos fechado escolas, universidades, comércio no mundo inteiro. Sabemos como o vírus se espalha rápido, o corona está atingindo o mundo inteiro. Então bora ficar em casa. Como atleta, esse é o meu pedido."

Fabi (vôlei)

Reprodução
Imagem: Reprodução

Esporte