Topo

Presidente do Santos confirma conversa com Pato e aguarda rescisão na China

Twitter Alexandre Pato/Reprodução
Imagem: Twitter Alexandre Pato/Reprodução
do UOL

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

2019-02-18T23:44:22

18/02/2019 23h44

O presidente José Carlos Peres, do Santos, está aguardando um desfecho positivo nas conversas entre Alexandre Pato e o Tianjin Tianhai, seu clube na China, pela rescisão do contrato do atacante para intensificar as conversas com o atleta. O jogador é a prioridade do Peixe para a posição de centroavante, vaga desde a saída de Gabigol.

Santos e Pato já tiveram conversas preliminares por meio do técnico argentino Jorge Sampaoli e o atacante gostou do que ouviu do treinador. No entanto, o mandatário santista mantém os pés no chão e lembra que primeiro o jogador precisa estar livre dos chineses.

 "Houve uma conversa, sim, estamos esperando. Mas ele está preso na China. Não adianta a gente falar de Alexandre Pato sem que nós consigamos liberá-lo. Se sair a rescisão, sem dúvida alguma, vamos conversar. A proposta estará na mão dele. A gente tem de esperar ele se liberar de lá (da China) para escolher o time que quer jogar. O Santos é uma das portas, há uma expectativa. Enquanto não ficar livre lá, não dá para ninguém ter esperança", disse na saída do Pacaembu após a vitória do Peixe por 3 a 0 sobre o Guarani.

Além de ser treinado por Sampaoli, Pato ainda tem o sonho de chegar à Seleção Brasileira e disputar a Copa América deste ano, que será realizada no Brasil. Uma volta ao país deixaria o atleta muito mais em evidência do que na China e as chances de chamar atenção do técnico Tite aumentariam.

Mais Esporte