PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Lori Loughlin, de 'Fuller House', se entrega para cumprir 2 meses de prisão

Lori Loughlin ao deixar o tribunal de Boston, em abril de 2019 - Joseph Prezioso / AFP
Lori Loughlin ao deixar o tribunal de Boston, em abril de 2019 Imagem: Joseph Prezioso / AFP
do UOL

Do UOL, em São Paulo

30/10/2020 15h14

Lori Loughlin, a Tia Becky de "Fuller House", se apresentou hoje em uma prisão federal em Dublin, na Califórnia (EUA), onde vai cumprir dois meses de reclusão por subornar uma faculdade e mentir no formulário de inscrição de sua filha para que ela fosse admitida entre os alunos da instituição.

Loughlin foi condenada em agosto, mais de um ano depois do caso vir a público. A atriz também teve que pagar uma multa de US$ 150 mil (R$ 862 mil) e cumprir 150 horas de serviço comunitário.

Atriz Lori Loughlin e o marido, Mossimo Giannulli, deixam tribunal em Boston - Brian Snyder - Brian Snyder
Mossimo Giannulli é visto atrás de Lori Loughlin em saída de tribunal em Boston
Imagem: Brian Snyder

Enquanto isso, o marido de Loughlin, Mossimo Gionnulli, foi caracterizado no processo como a parte do casal mais ativamente envolvida no suborno, e pegou pena maior: 5 meses de prisão, multa de US$ 250 mil (R$ 1,4 milhão) e 250 horas de trabalho comunitário.

Antes de receber a sentença, Loughlin afirmou que tomou uma "decisão horrível". "Concordei em participar de um plano para dar às minhas filhas uma vantagem injusta no processo de admissão à faculdade. Ao fazer isso, ignorei minha intuição e me permiti fazer algo amoral", afirmou.

Os dois estão entre as 55 pessoas acusadas de participarem do esquema de fraude idealizado pelo consultor William "Rick" Singer, que admitiu ter facilitado trapaças em exames de ingresso e usado subornos para obter vagas para os filhos de clientes.

Além de Loughlin, outro nome famoso envolvido no escândalo foi o da atriz Felicity Huffman ("Desperate Housewives"). Por ter admitido culpa antes, no entanto, ela foi punida de forma mais branda: passou 11 dias na prisão, pagou multa de US$ 30 mil (R$ 172 mil) e cumpriu 250 horas de serviço comunitário.

A atriz Felicity Huffman e o marido, o ator William H. Macy, chegam a tribunal - REUTERS/Katherine Taylor - REUTERS/Katherine Taylor
A atriz Felicity Huffman e o marido, o ator William H. Macy, chegam a tribunal
Imagem: REUTERS/Katherine Taylor

Entretenimento