PUBLICIDADE
Topo

Sterling e Petr Yan disparam contra Cejudo após anúncio de luta contra Aldo

Henry Cejudo após vitória sobre TJ Dillashaw  - Sarah Stier/Getty Images/AFP
Henry Cejudo após vitória sobre TJ Dillashaw Imagem: Sarah Stier/Getty Images/AFP

Ag. Fight

26/02/2020 11h53

Ontem, por meio de suas redes sociais, Henry Cejudo anunciou o duelo contra José Aldo, no dia 9 de maio, no UFC São Paulo, válido pelo cinturão peso-galo (61 kg). No entanto, essa notícia não agradou muita gente, principalmente os lutadores que estão na parte de cima do ranking e à frente do brasileiro, que não vence desde fevereiro de 2019.

O primeiro a desabafar nas redes sociais foi Aljamain Sterling. O americano, que é o número dois da classificação, destacou que o confronto entre Cejudo e Aldo não é interessante para ninguém e alfinetou o Ultimate em relação ao ranking, pedindo para ele ser levado a sério e respeitar os atletas que estão na frente.

"A luta que ninguém pediu e que ninguém queria ver! #façamrankingsgrandesdenovo", escreveu o americano, que vem de uma sequência de quatro triunfos no UFC.

Outro lutador destaque nos galos e que também não gostou nada da notícia da luta entre Cejudo e Aldo foi Petr Yan. Também nas redes sociais, o russo ironizou o fato do campeão não querer enfrentá-lo porque ele não fala inglês e provocou.

"Esse palhaço escolhendo Aldo porque eu não falo inglês perfeito. Desde quando José fala (inglês) fluente? Que tipo de lógica é esta? Henry sabe que não é popular e não tem segurança. Na sua cabeça, ele já perdeu a luta para mim. UFC me dê alguém que esteja confiante em si mesmo", afirmou o terceiro colocado no ranking.

Apesar do anúncio de Henry Cejudo, o Ultimate ainda não se manifestou oficialmente sobre o confronto diante de José Aldo. Caso se confirme, essa será a luta principal do UFC São Paulo.

Esporte