PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Marília Mendonça se desculpa por transfobia em live: 'Não vou justificar'

A cantora Marília Mendonça - Reprodução/Twitter
A cantora Marília Mendonça Imagem: Reprodução/Twitter
do UOL

Do UOL, em São Paulo

18/10/2020 10h09

Marília Mendonça interrompeu brevemente a live que realizou ontem para se desculpar. A cantora foi acusada de transfobia em agosto por um comentário feito também em uma de suas lives.

"Queria aproveitar esse momento da live para me desculpar por uma brincadeira sem graça que foi feita na última live. Todo mundo já sabe o que aconteceu. Eu não vim aqui para me justificar sobre nada porque não tenho razão nenhuma. Presto muito atenção nos meus erros e tenho tentado aprender cada vez mais e me consertar. E deixar quem passa por isso todos os dias, que é a trans Alice".

A convidada de Marília Mendonça foi a modelo Alice Felis, que foi agredida em casa e teve o maxilar e o nariz quebrados, além de uma série de lesões no corpo. Ela gravou um vídeo em que faz um alerta sobre transfobia.

E o que aconteceu?

No episódio em que foi acusada de transfobia, Marília Mendonça sugeriu, em tom de deboche, que um de seus músicos de apoio teria ficado com uma mulher transexual em Goiânia.

"Quem é de Goiânia lembra da boate Diesel. (...) Disse que lá foi o lugar em que ele beijou a mulher mais bonita da vida dele. É só isso, gente. O contexto vocês não vão saber", diz a cantora. Em seguida, o músico rebate: "Era mulher mesmo, pô".

O assunto fez com que Marília Mendonça fosse o termo mais comentado na manhã no Twitter. E ela se manifestou na rede social admitindo que errou.

Entretenimento