Topo

Grêmio tem duas grandes questões para montar time contra o Flamengo

Renato Gaúcho tem problemas para montar o time de olho na partida contra o Flamengo - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato Gaúcho tem problemas para montar o time de olho na partida contra o Flamengo Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
do UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

21/10/2019 04h08

Renato Gaúcho tem problemas para enfrentar o Flamengo. O jogo de volta da semifinal da Libertadores, quarta-feira, quebra a cabeça do treinador do Grêmio. Sem seu armador titular e podendo não ter também o reserva e com dúvidas na lateral direita, o comandante tem pouco tempo para planejar o jogo que vale vaga na decisão.

"É um jogo muito importante, o mais importante do ano para nós. Teremos muito foco, sabemos que tem um time muito qualificado do outro jogo. Estamos nos preparando bem, o professor sabe o time que vai colocar em campo", disse o atacante Everton. Mas será que Renato já sabe mesmo quem vai desafiar o time do momento no futebol brasileiro?

Luan e o drama na armação

A comissão técnica sabe, há bastante tempo, que o emergente Jean Pyerre dificilmente teria condições de estar em campo contra o Flamengo. A lesão que afasta o jogador está prestes a ficar totalmente curada, ele acompanha a delegação no Rio de Janeiro, mas não está totalmente apto a defender o Tricolor. Se conseguir entrar em campo, ainda não terá 100% ou mesmo poderá atuar durante todo o jogo, o que acarreta preocupação.

Não bastasse isso, Luan, que atuou desde a saída do companheiro e recuperou status relevante no time, também lida com questões físicas. O duelo com o Bahia não deixou apenas a derrota em casa para os gremistas, mas a volta das dores no pé direito do meia-atacante.

Fora da partida contra o Fortaleza, ele faz tratamento intensivo e também tem poucas chances de estar em campo na quarta. O jogador mancava bastante na chegada da delegação ao Rio, ontem, e preocupa bastante.

Para funções ofensivas do meio, Patrick e Thaciano são as opções. Maicon adiantado, com Michel e Matheus Henrique como volantes, é outra alternativa, mas não é costume de Renato Gaúcho mudar a característica do meio desta forma. Utilizar Diego Tardelli recuado com André como centroavante seria uma opção a ser considerada.

Lateral é incerteza e preocupação

A lateral direita é outra incerteza. Léo Moura não foi bem contra o Bahia, Galhardo também não agradou diante do Fortaleza, e Renato Gaúcho não pensa em improvisar Paulo Miranda no setor. Desta forma, a opção por um jogador que, por ali, costuma bater de frente com Bruno Henrique do Flamengo demanda cuidado.

Inicialmente o plano é manter Léo Moura e tratar de dar a proteção necessária para o melhor rendimento defensivo. Mas Renato Gaúcho faz questão de manter mistério.

O Grêmio empatou com Flamengo em 1 a 1 o jogo de ida. Este resultado leva à final quem vencer o compromisso desta quarta no Maracanã. Em caso de empate em 0 a 0, o Flamengo avança. Em caso de 1 a 1, a decisão será nos pênaltis. Qualquer outro empate leva o Tricolor adiante.

Esporte