Topo

Oswaldo lamenta desfalques por convocação da seleção: "São insubstituíveis"

Oswaldo de Oliveira lamentou convocações para a seleção olímpica - Caio Blois/UOL Esporte
Oswaldo de Oliveira lamentou convocações para a seleção olímpica Imagem: Caio Blois/UOL Esporte
do UOL

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/09/2019 13h06

O Fluminense enfrenta o Goiás no domingo, às 19h, mas já está de olho nos confrontos contra Cruzeiro e Bahia, nos dias 10 e 13 de outubro, pela 24ª e 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Isso porque após da convocação da seleção olímpica, o Tricolor ficará sem Caio Henrique e Allan, dois titulares do time de Oswaldo de Oliveira. O treinador, inclusive, lamentou os desfalques na situação difícil que vive o clube na competição.

"Em primeiro lugar, a essência do nosso futebol é a seleção brasileira. É uma honra para qualquer jogador. Como se tratam de amistosos, acho que a situação que o Fluminense se encontra no Brasileiro precisava ser melhor avaliada. São dois jogadores importantíssimos. Como já falei sobre o Allan, falo sobre o Caio Henrique. São insubstituíveis. Inclusive pensava em um substituir o outro. Eles vão perder dois jogos muito importantes para jogar amistosos", declarou Oswaldo.

Apesar de queixar-se das ausências da dupla, o treinador tricolor defendeu o planejamento da seleção, culpando o calendário e o regulamento da competição pelo dano causado ao clube.

"Admito a importância da seleção e o planejamento, mas os nossos jogos são muito importantes para nós. Sei que não foi só o Fluminense, mas pela nossa situação fica unilateral. Ainda tem um agravante na minha opinião: é uma data Fifa. No Japão e no Qatar, o campeonato para. Aqui o nosso calendário que é congestionado, não permite. Uma convocação dessa no momento em que vamos perder os jogadores, para nós, é um dano que hoje não consigo medir", opinou.

Não tenho a noção exata do que pode acontecer. Estamos procurando no nosso elenco buscar substitutos, reparar os danos, mas na situação que estamos, será muito danoso ao Fluminense e não tão danoso com outros adversários que teremos pela frente.

Sobre a partida de domingo, Oswaldo adiantou que Frazan substituirá Nino, suspenso, e que manterá o esquema da equipe que venceu o Corinthians por 1 a 0. Para o treinador, o segundo turno já começará com um "jogo de seis pontos".

"Vamos iniciar o segundo turno com um jogo importantíssimo para nós. O adversário é uma equipe que tem tido resultados ruins ultimamente, e claro que é um motivo para tentarem se superar. Da nossa parte, precisamos somar pontos para nos distanciarmos da zona de rebaixamento. Já começamos o segundo turno em alto estilo, com uma disputa importante, uma decisão, que vale mais do que três pontos".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Esporte