PUBLICIDADE
Topo

Príncipe Andrew estaria 'nervoso' com prisão de ex de Jeffrey, diz revista

Príncipe Andrew era amigo do bilionário Jeffrey Epstein - SWEN PFÖRTNER / DPA / AFP
Príncipe Andrew era amigo do bilionário Jeffrey Epstein Imagem: SWEN PFÖRTNER / DPA / AFP
do UOL

Do UOL, em São Paulo

09/07/2020 15h13Atualizada em 09/07/2020 15h45

A prisão de Ghislaine Maxwell, ex-namorada de Jeffrey Epstein, deixou o príncipe Andrew um tanto quanto nervoso, segundo uma fonte ouvida pela revista "Us Weekly".

Ghislaine foi presa e acusada de tráfico sexual de menores. Ela teria ajudado a recrutar adolescentes para satisfazer os desejos sexuais do norte-americano Jeffrey Epstein e seus amigos ricos.

Andrew, segundo filho da rainha Elizabeth 2ª, teve uma amizade de longa data com Jeffrey e também recebeu acusações de agressão sexual: Virginia Roberts Giuffre, norte-americana que foi uma das pessoas a acusar Epstein na Justiça, disse que foi levada aos 17 anos para manter relações com Andrew.

O príncipe nega envolvimento nos crimes de Jeffrey.

"Isso realmente o assusta", disse a fonte anônima sobre a prisão de Ghislaine.

A promotoria do distrito sul de Nova York marcou a audiência para ouvir a ex-namorada do bilionário para amanhã.

No início do ano, o príncipe anunciou que estava se afastando dos deveres da Família Real.

"Tornou-se claro para mim nos últimos dias que as circunstâncias relacionadas à minha antiga associação com Jeffrey Epstein se tornaram uma grande interrupção no trabalho de minha família e no valioso trabalho em andamento nas muitas organizações e instituições de caridade que tenho orgulho de apoiar", disse Andrew em um documento avisando seu desligamento.

Entretenimento