Topo

Netflix estuda jeito de impedir assinante de dividir conta com terceiros

Getty Images
Imagem: Getty Images
do UOL

Do UOL, em São Paulo

22/10/2019 15h28

A Netflix calcula que perde 135 milhões de dólares (quase R$ 550 milhões) todo mês com os usuários que dividem a mesma conta - e, portanto, pagam apenas por uma assinatura. Por isso, a plataforma estuda uma maneira de limitar o compartilhamento de senhas.

A informação foi publicada pela revista norte-americana Newsweek e confirmada por Greg Peters, um dos chefes da Netflix nos Estados Unidos. "Nós continuamos monitorando e estamos de olho na situação. Vamos procurar maneiras amigáveis de limitar esta prática", disse ele.

A empresa explica que os planos que permitem que diferentes usuários acessem a Netflix ao mesmo tempo foram pensados para os que vivem na mesma casa. No entanto, a plataforma começou a perder dinheiro quando muitas pessoas passaram a dividir login e senha com pessoas de fora.

Vale destacar que os termos de uso da Netflix não permitem que os assinantes compartilhem o serviço com usuários que não vivem na mesma residência.

Entretenimento