PUBLICIDADE
Topo

Frankie Edgar substitui Brian Ortega e encara Chan Sung Jung no UFC Coreia do Sul

Ag. Fight

06/12/2019 10h58

Escalado para fazer sua estreia no peso-galo (61 kg) contra Cory Sandhagen no dia 25 de janeiro, no UFC Raleigh, Frankie Edgar terá outro compromisso antes de migrar de vez para a nova categoria. O veterano aceitou substituir Brian Ortega, lesionado, como adversário de Chan Sung Jung na luta principal do UFC Coreia do Sul, que acontece no dia 21 de dezembro. A informação foi confirmada pela própria organização em suas redes sociais (veja abaixo ou clique

">aqui).

Ex-campeão peso-leve (70 kg) do Ultimate, Edgar competiu durante os últimos anos no peso-pena (66 kg), tendo falhado nas três tentativas que teve para conquistar o cinturão da categoria até 66 kg. Após a última disputa pelo título fracassada, em julho deste ano, contra Max Holloway, no UFC 240, o veterano decidiu descer de divisão e se testar nos galos, sendo escalado para encarar a jovem promessa Cory Sandhagen em janeiro. Agora Frankie terá um último combate nos penas antes de sua migração definitiva para a nova classe de peso.

Com a contusão sofrida por Brian Ortega em seu joelho, Chan Sung Jung se viu sem oponente para a luta principal do evento em seu país natal. O coreano, que vem de vitória por nocaute sobre o brasileiro Renato 'Moicano', ocupa a sétima posição no ranking peso-pena do UFC e um triunfo sobre um atleta renomado como Edgar pode impulsionar sua subida ao topo da categoria.

Apesar de ter aceitado de última hora o confronto contra Chan Sung Jung, no UFC Coreia do Sul, Frankie Edgar ainda não foi oficialmente desligado do duelo contra Cory Sandhagen, agendado para o UFC Raleigh. Com pouco mais de um mês separando os dois eventos, o Ultimate deve aguardar a concretização do primeiro compromisso do veterano para decidir se ele estará apto a voltar aos octógonos em tão pouco tempo.

 

Ver essa foto no Instagram

 

As tough as they come ? ?? @FrankieEdgar steps in to the main event of #UFCBusan vs @KoreanZombieMMA.

Uma publicação compartilhada por ufc (@ufc) em 5 de Dez, 2019 às 4:29 PST

Esporte