Topo

Frankie Edgar aprova estreia no peso-galo já contra um rival do 'top 3' da divisão

Ag. Fight

21/11/2019 11h38

Frankie Edgar agora vai se aventurar na categoria dos galos no Ultimate - Diego Ribas

No dia 25 de janeiro, Frankie Edgar vai fazer sua estreia na categoria peso-galo (61 kg) contra Cory Sandhagen, no UFC Raleigh. O americano, que já foi campeão do peso-leve (7o kg) e nas suas últimas atuações estava no peso-pena (66 kg), se mostrou empolgado por essa nova fase da carreira e aprovou debutar contra um rival bem ranqueado.

Sandhagen ainda não sabe o que é derrota no Ultimate. Desde que estreou na organização, o americano soma cinco triunfos seguidos. Mas isso não é algo que tire o sono de Edgar. Em entrevista ao episódio do 'UFC Unfiltered', o ex-campeão dos leves confia que encarar um adversário deste porte pode lhe trazer benefícios a curto prazo.

"Ele (Sandhagen) é muito perigoso. É o atual número três (do ranking oficial do UFC), e eu ainda quero lutar contra os melhores na minha carreira. Sinto que lutar contra o número três é uma boa maneira de estrear nessa nova categoria. Para o Cory, é bom entrar e lutar contra alguém como eu. Já para mim, enfrentar um atleta que é o número três é uma boa maneira de me colocar no topo da categoria dos galos", disse o lutador.

Apesar de ter vindo da categoria dos leves, Edgar não teve missão tranquila nos penas e lidou com duras derrotas para José Aldo e Max Holloway, em disputas de cinturão. Por isso, o lutador decidiu descer ainda mais de divisão e buscar seu segundo cinturão nos galos, onde confia que possa ter melhores performances.

"Há anos todo mundo está dizendo para eu descer de peso. Meus treinadores estavam me falando isso por um tempo, a eu acabei lutando cinturão dos penas algumas vezes, em atuações que ficaram aquém da expectativa. Senti que agora era a hora de mudar para sempre", completou o americano.

Com 23 vitórias, sete derrotas e um empate na carreira, Frankie Edgar é um dos grandes nomes do Ultimate. O americano está sem lutar desde julho deste ano, quando foi superado por Max Holloway.

Esporte