Topo

Itália faz 9 a 1 na Armênia; Suíça e Dinamarca se classificam para Eurocopa

Jogadores da Itália comemoram goleada sobre a Armênia - Claudio Villa/Getty Images
Jogadores da Itália comemoram goleada sobre a Armênia Imagem: Claudio Villa/Getty Images

18/11/2019 19h23

As seleções de Suíça e Dinamarca garantiram vaga na Eurocopa de 2020 nesta segunda-feira, dia também marcado pela goleada de 5 a 0 da Espanha sobre a Romêmia e pelo massacre de 9 a 1 da Itália em cima da Armênia, o placar mais elástico desta edição das Eliminatórias.

Entre as seleções que foram a campo hoje, Irlanda, Noruega, Bósnia e Romênia estão confirmadas na repescagem, que dará mais quatro vagas para a competição.

A Suíça carimbou um lugar no torneio continental com uma goleada de 6 a 1 sobre Gibraltar, resultado que deixa a seleção na liderança do grupo D, com 17 pontos.

Jogando na casa da equipe que ocupa a lanterna do grupo, os suíços abriram o placar com Itten e ampliaram com Vargas e Fassnacht. Styche descontou para Gibraltar, mas Benito, Itten, novamente, e Xhaka sacramentaram a classificação em grande estilo.

A Dinamarca encerrou a participação no grupo com a vice-liderança, com 16 pontos, após empatar em 1 a 1 com a Irlanda em duelo decisivo por uma das vagas.

Depois de um primeiro tempo sem gols, Braithwaite colocou os visitantes na frente em Dublin e, perto do fim, Doherty deixou tudo igual. O resultado deixou a Irlanda na terceira posição, com 13 pontos.

Com 100% de aproveitamento, somando 10 vitórias em 10 jogos, a Itália fechou com chave de ouro uma campanha impecável. A torcida em Palermo viu a seleção da casa aplicar uma impiedosa goleada de 9 a 1 na Armênia, que terminou na quinta posição do grupo J, com 10 pontos.

Immobile (duas vezes), Zaniolo (duas vezes), Barella, Romagnoli, Jorginho, Orsolini balançaram as redes pelo lado italiano até a tímida reação armênia, com Babayan. Pouco após o gol de honra da equipe adversária, Chiesa deu números finais ao espetáculo.

Apenas uma equipe nas Eliminatórias pode igualar o aproveitamento perfeito da Itália, a Bélgica, que na terça-feira receberá o Chipre, pelo grupo I.

De volta ao grupo J, atrás da impecável Itália ficou a Finlândia, com 18 pontos. Já classificada, a vice-líder foi derrotada por 2 a 1, de virada, pela Grécia, que terminou no terceiro lugar. A Bósnia, quarta colocada, derrotou Liechtenstein por 3 a 0.

No grupo F, com 26 pontos, a Espanha fez jus à liderança ao golear a Romênia, quarta colocada, por 5 a 0, com gols de Fabián, Gerard Moreno, Morata, Rus (contra) e Oyarzabal.

A Suécia, que se classificou na segunda posição, com 21 pontos, passou facilmente pelas Ilhas Faroe com uma vitória de 3 a 0. Já a Noruega, que ficou no terceiro lugar, visitou e venceu a lanterna, Malta, por 2 a 1.

Esporte