PUBLICIDADE
Topo

Henríquez cobra salários atrasados do Vasco para um 2020 melhor

do UOL

Do UOL, em São Paulo

08/12/2019 19h11

Após o empate por 1 a 1 diante da Chapecoense, o zagueiro Henríquez aproveitou a zona mista para falar dos salários atrasados do Vasco. Para o defensor, é importante a diretoria resolver a situação internamente para que o clube carioca consiga ter uma temporada de 2020 melhor e com mais vitórias.

"O grupo mostrou que se entrega independente da situação. Não fizemos manifestações como outros times, por causa das pendências. Agora é responsabilidade da gestão admnistrativa porque todos os jogadores fizeram de tudo para buscar os triunfos e fazer o melhor possível para o Vasco. A torcida quer isso, um clube mais estruturado para começar bem 2020", afirmou o jogador.

Mesmo sabendo dessa dificuldade financeira, o torcida do Vasco fez uma linda festa, não apenas durante os noventa minutos, como no pré-jogo, com música, cantos e um enorme mosaico no momento que os jogadores entraram em campo.

Outro ponto que chamou a atenção no jogo deste domingo foi a diferença de ritmo do Vasco no primeiro e segundo tempo. Nos 45 minutos iniciais, pouca criatividade e intesidade e foram raros os momentos de perigo a favor dos donos da casa. Já na reta final, o Cruz-Maltino dominou a partida, perdeu chances claras, anotou o gol, porém tomou o empate em lance de desatenção da zaga.

Com isso, o Vasco termina o Campeonato Brasileiro na 12° colocação, com 49 pontos, garantido na Sul-Americana do ano que vem, enquanto a Chapecoense encerra na vice-lanterna, com apenas 32, e voltará a jogar a Série B.

Esporte