PUBLICIDADE
Topo

Dana revela desejo de Conor encarar Masvidal e justifica sua volta nos meio-médios

Ag. Fight

06/12/2019 10h59

O retorno de Conor McGregor ao Ultimate foi confirmado e o irlandês estará em ação dia 18 de janeiro, contra Donald Cerrone, no UFC 246, em Las Vegas (EUA). Porém, mesmo antes de encarar o americano, o ex-campeão do peso-pena (66 kg) e peso-leve (70 kg) da organização já mira um outro adversário pela frente.

De acordo com o presidente da franquia, Dana White, em entrevista à rádio 101.6-FM, de Washington, o irlandês já o avisou que deseja enfrentar Jorge Masvidal. Recentemente, o americano está em um grande momento na organização e venceu Nate Diaz, no UFC 244, e conquistou o cinturão 'BMF' (mais "durão" de todos).

"Conor me disse que quer lutar com o Masvidal. Então vamos ver o que acontece", afirmou.

Na última vez que pisou no octógono da organização, McGregor lutou no peso-leve e foi derrotado por Khabib Nurmagomedod, em disputa do cinturão da categoria. Porém, na sua volta, o irlandês vai atuar nos meio-médios (77 kg), divisão que já atuou em duelos contra Nate Diaz. Dana justificou essa "subida" de categoria do lutador.

"Ele vai lutar até 77 kg nessa luta, principalmente porque não quer cortar o peso para até 70 kg. Sua ideia é que possa derrotar o Cerrone e já lutar contra Khabib o mais rápido possível. Então não quer cortar o peso duas vezes", disse.

Conor McGregor não luta desde outubro de 2018. Neste tempo, o lutador lidou com uma punição por conta da confusão generalizada após o combate contra Khabib Nurmagomedov. O irlandês viveu seu auge na organização em 2015 e 2016, quando conquistou, simultaneamente, os cinturões dos penas e dos leves.

Esporte