Topo

Coelho afirma que não está preparando time para T. Nunes: "Nunca conversei"

do UOL

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

17/11/2019 20h47

O Corinthians empatou por 0 a 0 com o Internacional na noite de hoje (17), na Arena Corinthians, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar de um primeiro tempo abaixo, a equipe mostrou uma proposta de jogo diferente, com saída de três atrás e mais ofensiva. Ainda assim, o time não tem dedo do futuro técnico Tiago Nunes, apenas de Dyego Coelho.

O interino que tem um estilo de posse de bola nas categorias de base do Corinthians vem tentando implantar isso no time profissional, mas são ideias dele e não de Nunes, com quem não conversou ainda.

"Nunca conversei com o Tiago, não estou preparando para ninguém o time, estou tentando fazer jogar bem. Tanto em saída em dois quanto em três, conseguimos colocar jogadores nas linhas adversárias. Essa era a intenção do primeiro tempo, mas não deu, no segundo melhorou", afirmou em entrevista coletiva.

Questionado sobre o seu futuro, Coelho disse que não está preocupado. O técnico quer buscar a classificação para a Copa Libertadores da América e só depois pensar nisso.

"A meta é chegar na Libertadores, ela é fato. É o que acontece no treino, no CT, a gente tem que dar um jeito e vamos brigar para chegar na Libertadores, é a nossa intenção. Sou funcionário do clube, já conversamos, o que decidirem vou acatar. A grande situação é que não posso pensar nisso agora, temos que resolver o ano primeiro. E depois conversamos", disse.

Com o empate de hoje, o Corinthians foi a 50 pontos e viu o Internacional atingir o mesmo número, seguindo na frente do Timão no número de vitórias. Assim, o Colorado é o sétimo colocado, último dentro do grupo que vai à Libertadores de 2020, enquanto o Corinthians é o oitavo, primeiro fora da zona de classificação.

Esporte