Topo

Suspenso do clássico, Carille passa por procedimento no joelho e volta 4ª

Treinador do Corinthians sente dificuldade para correr e chutar e recebeu uma injeção na clínica de Joaquim Grava - Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Treinador do Corinthians sente dificuldade para correr e chutar e recebeu uma injeção na clínica de Joaquim Grava Imagem: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
do UOL

Gabriel Carneiro

Do UOL, em São Paulo

21/10/2019 15h40

Resumo da notícia

  • Técnico do Corinthians injetou ácido hialurônico no joelho esquerdo hoje (21) à tarde
  • Ele sente dores na cartilagem, possível lesão articular, o que atrapalha sua rotina
  • Joaquim Grava, consultor médico do clube, recebeu o treinador em sua clínica
  • Carille foi aconselhado a andar pouco até amanhã e na quarta já poderá trabalhar
  • Sábado, contra o Santos, o auxiliar Leandro da Silva comandará o Corinthians

Com dores e dificuldades para realizar seu trabalho nas últimas semanas, o técnico Fábio Carille foi submetido a um procedimento médico hoje (21). Ele comandou o treinamento do Corinthians no período da manhã, no CT Joaquim Grava, e à tarde realizou a intervenção na clínica do consultor médico que dá nome ao CT. Ele ficará de repouso até quarta-feira, quando retoma o trabalho diário com carga leve, mas não dirige o time na beira do campo no sábado, contra o Santos, porque está suspenso.

Carille sente dores na cartilagem do joelho esquerdo e não consegue correr em campo e chutar bolas durante os treinos, como gosta. Ele recebeu uma injeção de ácido hialurônico, usado comumente para tratar lesões articulares, e que promete diminuir inchaço e dores. Ele foi aconselhado a andar o mínimo possível até amanhã para não sentir incômodo na quarta-feira, quando comanda o treino no CT.

No sábado, às 17h, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians será dirigido pelo auxiliar Leandro da Silva, conhecido como Cuca. Não está definido se Carille acompanhará o jogo nas tribunas da Arena Corinthians.

Esporte