Topo

Maracanã escolhido como sede da final da Libertadores 2020

17/10/2019 12h58

Asunción, 17 Out 2019 (AFP) - Os estádios Maracanã, no Rio de Janeiro, e de Mario Kempes, na cidade argentina de Córdoba, foram escolhidos como sedes das finais da Copa Libertadores da América e da Copa Sul-americana em 2020, respectivamente, informou a Conmebol nesta quinta-feira.

O Conselho da Conmbebol, reunido em Assunção, selecionou essas cidades de uma lista de 12 que se ofereceram para sediar a final do próximo ano desses torneios de clubes regionais.

"Os critérios avaliados na seleção dos locais foram baseados na visão, conceito e legado da proposta, bem como nas características técnicas do estádio e nos campos de treinamento", afirmou a Conmebol em um comunicado.

Por outro lado, foram adicionados os requisitos de segurança, mobilidade e acomodação, além de vários aspectos sociais, políticos, ambientais e comerciais.

No processo de seleção das cidades para a final da Libertadores, oito candidatos chegaram à final: o estádio Mario Kempes, o Mineirão (Belo Horizonte), a Arena do Grêmio (Porto Alegre), o Beira-Rio (Porto Alegre), o Maracanã (Rio de Janeiro), Morumbi (São Paulo), Arena Corinthians (São Paulo) e Lima National.

Os eleitos Mario Kempes (Córdoba), Estádio Único da Prata, Mané Garrincha (Brasília) e Nacional de Lima lutaram pela sede da final sul-americana.

A final da Copa Libertadores de América deste ano será disputada pela primeira vez em uma única partida no Estádio Nacional de Santiago, em 23 de novembro.

Também a final da Copa Sul-americana, no estádio La Olla Monumental, em Assunção, em 9 de novembro.

hro/cl/cn

Esporte