PUBLICIDADE
Topo

Felipe Titto: 'Não estou quarentenando, tive que resolver minhas paradas'

"Não estou "quarentenando", tive que resolver minhas paradas", diz Felipe Titto - Divulgação/Jean Cabral
"Não estou 'quarentenando', tive que resolver minhas paradas", diz Felipe Titto Imagem: Divulgação/Jean Cabral
do UOL

Natália Eiras

Colaboração para o UOL

15/07/2020 21h13

A Yves Saint Laurent organizou hoje uma balada por videoconferência para o lançamento dos perfumes "Y" e "Libre". Hugo Gloss, anfitrião da noite, apresentou convidados como Mateus Verdelho e Flavia Pavanelli com perguntas sobre o período de isolamento social dos artistas. Ao questionar o ator Felipe Titto, o convidado lançou a real.

"Não estou quarentenando. Fiquei 15 dias em casa e não pude mais, tinha que resolver as minhas paradas". Titto foi "resgatado" por Marina Ruy Barbosa que, mesmo antes de ser apresentada, brincou: "Cuidado, Titto, você vai ser cancelado, hein".

Com setlist de Pathy de Jesus, a festa online foi a solução encontrada pela marca para fazer o lançamento das fragrâncias mesmo durante o isolamento social. Mateus Verdelho comentou que, antes mesmo de março, quando a quarentena foi decretada em estados como São Paulo, ele já se encontrava em isolamento por ter sido diagnosticado com covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Já Marina contou que estava longe de seu marido, Alexandre Negrão, uma vez que ele estava em outra cidade cuidando de seus negócios. Caio Castro, por sua vez, apareceu usando pijama de unicórnio, brincando que, como estava em casa, gostaria de ficar confortável.

No fim da noite, Titto comentou que aquela tinha sido sua primeira festa por Zoom, febre entre as pessoas que optaram pelo isolamento social.

"Mas foi legal porque finalmente pude ver todo mundo junto, mesmo que online, já que nunca conseguimos reunir tanta gente", falou o artista.

Entretenimento