PUBLICIDADE
Topo

Escultura dinamarquesa é erguida em apoio a manifestantes de Hong Kong

23/01/2020 18h58

COPENHAGUE (Reuters) - Uma estátua de oito metros de cobre, intitulada "Pilar da Vergonha", foi erguida nesta quinta-feira em frente ao Parlamento da Dinamarca, no centro de Copenhague, para expressar solidariedade aos manifestantes pró-democracia em Hong Kong.

Hong Kong, governada pela China, tem sido abalada por mais de sete meses de protestos. Desencadeados inicialmente por um projeto de extradição, agora retirado, que permitiria que indivíduos fossem enviados à China para julgamento, eles transformaram-se, desde então, em uma revolta mais ampla contra o governo de Pequim.

A escultura, que pesa cerca de três toneladas, exibe 15 corpos torcidos um ao outro e traz as mensagens "A Dinamarca está com Hong Kong" e "Os velhos não podem matar os jovens para sempre".

"Isso representa ... apoio do povo dinamarquês à luta em Hong Kong, para manter a democracia e a liberdade de expressão", disse à Reuters TV o escultor dinamarquês Jens Galschioet.

Ele produziu a escultura em colaboração com um partido político dinamarquês, a ecologista Alternativa e a ala dinamarquesa do grupo de direitos humanos Anistia Internacional.

(Por Andreas Mortensen)

Entretenimento