Topo

Valesca Popozuda critica governo Bolsonaro: "Ele representa a violência"

Reprodução/Instagram
Valesca Popozuda Imagem: Reprodução/Instagram
do UOL

Rodrigo Soares

Colaboração para o UOL

2019-02-19T13:22:35

19/02/2019 13h22

A cantora Valesca Popozuda usou sua conta no Instagram hoje para criticar o governo do presidente Jair Bolsonaro. Em um post na rede social, ela disse que não é a favor dele.

"Desculpa. Meu voto NUNCA foi Bolsonaro. Eu realmente não tenho a menor ideia do que é o sofrimento que vocês passam, da dor diária que vocês enfrentam por conta da condição humana de cada um. Sou humana, também erro, mas tô aqui de peito aberto pra melhorar e aprender cada dia mais. Tô aqui do lado de vocês. A repressão dos machistas também nos persegue porque somos mulheres e na maioria das vezes esses machistas são os homofóbicos e transfóbicos que matam e agridem gays, transexuais. Tudo isso porque não aceitam o feminino que existe no mundo e é por esse motivo que estamos completamente juntos. Quero deixar registrado: Ele naaaaaaaaaao. Ele representa a opressão, a violência e o crime contra o direto de ser quem você quiser", disse a cantora.

A justificativa de Valesca vem após ela ser muito criticada por apoiar Agustin Fernandez, que é gay  e fã de Jair Bolsonaro, tendo até encontrado com ele no período de campanha. Um show dela em Campinas foi desmarcado por isso. A página da festa Euforia Club divulgou uma nota oficial informando o cancelamento do show que aconteceria dia 23 de fevereiro.

"A Eufórica Club vem, por meio desta nota, informar o cancelamento da apresentação da cantora Valesca Popozuda no evento 'Pré-Carnaval Eufórica Club a ser realizado no dia 23 de fevereiro em Campinas (SP). Nos últimos dias, a artista postou um vídeo nas reedes sociais com um amigo dela que é fã do atual presidente Jair Bolsonaro (PSL). O fato ganhou repercussão nacional e Valesca foi fortemente criticada, já que ela sempre se mostrou a favor da comunidade LGBTQ+", diz um trecho do texto.

Mais Entretenimento