PUBLICIDADE
Topo

Henry Cejudo se declara 'Rei do Rio' e desafia José Aldo para combate no Brasil

Ag. Fight

15/12/2019 17h39

O UFC 245 nem bem terminou e sua repercussão já toma conta do noticiário do mundo do MMA. Derrotado por decisão dividida dos jurados nesse sábado (14), José Aldo ouviu do próprio Dana White, presidente do evento, que ele pode furar a fila apesar do revés e disputar o cinturão dos pesos-galos (61 kg). E quem se animou com a ideia foi Henry Cejudo, atual campeão da categoria.

Através de suas redes sociais, o americano, que também é dono do título dos pesos-penas (57 kg), se declarou 'Rei do Rio', em alusão ao apelido de Aldo, e desafiou o brasileiro para um duelo a ser realizada na 'Cidade Maravilhosa'. Para isso, no entanto, o atleta publicou um vídeo um tanto quanto estranho em que também aproveita para provocar Dominick Cruz.

"Para meu retorno, eu realmente queria enfrentar o Dominick Cruz, mas pensei a respeito e ele é muito frágil. Se eu mandasse ele se ajoelhar, ele se machucaria. Mas não estou aqui para falar de Cruz, estou aqui para falar de José Aldo. Quero bater uma palma para sua última performance porque muita gente achou que ele venceu. Quero parabenizar ele, porque agora ele é parte do sorteio do Henry Cejudo. Mas será sob meus termos, quero lutar na minha cidade. Rio de Janeiro, o pai está chegando. Dana White, vamos assinar esse contrato", provocou o campeão olímpico de wrestling que passa uma temporada em Natal apra treinar na academia dos 'Irmãos Pitbull'.

Sem lutar desde que venceu Marlon Moraes, Cejudo, ao escolher defender o título dos galos, pode correr o risco de ter que abandonar o cinturão dos moscas (57 kg), conquistado após uma vitória emblemática sobre Demetrious Johnson.

This is a public service announcement from Triple C to the self proclaim "King of Rio". @josealdojunior @danawhite @ufc pic.twitter.com/bkrLUcgyC0

- Henry Cejudo (@HenryCejudo) December 15, 2019

Esporte