Topo

Vettel e Leclerc se chocam e estragam fim de semana da Ferrari em SP

Charles Coates/Getty Images
Imagem: Charles Coates/Getty Images
do UOL

José Edgar de Matos e Julianne Cerasoli

Do UOL, em São Paulo (SP)

17/11/2019 15h50

Em Interlagos, o desempenho da Ferrari era promissor. Na sexta-feira (15), a escuderia italiana se mostrou empolgada com o desempenho do carro. No sábado, a classificação direcionava os dois carros vermelhos para uma boa prova, até brigando pela vitória. Contudo, na tarde de hoje, Sebastian Vettel e Charles Leclerc se chocaram no fim do GP Brasil e estragaram o fim de semana.

Próximo do fim da corrida, Vettel perdeu a posição para Leclerc no S do Senna e tentou dar a resposta na reta oposta. Ao colocar de lado e tentar a ultrapassagem, o alemão se chocou com o monegasco e tirou ambos da prova, em que a escuderia italiana disputava pódio.

"Nós não reunimos ainda, vamos ainda tirar conclusões. Ouvimos os dois pilotos e depois vamos discutir. O importante é que ambos os pilotos deveriam se desculpar pela equipe", afirmou, em entrevista coletiva, Mattia Binotto, chefe da equipe Ferrari.

Após a corrida, Leclerc passou na frente do box da Ferrari, cercado de representantes da equipe italiana e com cara de pouquíssimos amigos. Para a imprensa, entretanto, adotou um discurso ponderado em relação ao companheiro de time.

"Isso não vai comprometer a minha relação com Sebastian, precisamos olhar para a frente, Estamos os dois querendo o melhor para o time", afirmou o monegasco.

"Estou com pena pelo time, pois fizeram o melhor. É uma pena, mas quero pegar as coisas positivas da corrida. Peço desculpas pela equipe", declarou.

Sem completar o GP do Brasil, Vettel não tem mais chances de ficar entre os três melhores na Classificação Geral da F-1 de 2019. Já Leclerc, que também não completou a corrida, foi ultrapassado por Verstappen, agora 3º colocado com 260 pontos.

Para reconquistar a terceira posição, o jovem de 22 anos precisa, ao menos, ficar em 4º lugar no GP de Abu Dhabi e torcer para o holandês não pontuar.

Esporte