Topo

Stallone relembra 1° encontro com Lundgren: "Odeio esse cara, ele é perfeito demais"

Rocky Balboa (Sylvester Stallone) e Ivan Drago (Dolph Lundgren) em cena de "Rocky IV" (1985) - Reprodução
Rocky Balboa (Sylvester Stallone) e Ivan Drago (Dolph Lundgren) em cena de "Rocky IV" (1985) Imagem: Reprodução
do UOL

Do UOL, em São Paulo

20/09/2019 10h10Atualizada em 20/09/2019 19h52

O ator, roteirista e diretor norte-americano Sylvester Stallone relembrou, em entrevista para o apresentador Jimmy Fallon, o trabalho que fez com o ator sueco Dolph Lundgren em "Rocky IV".

Stallone revelou que teve dificuldades para encontrar o "ator" ideal para interpretar Ivan Drago - que lutou contra o personagem do norte-americano -, mas que Lundgren surgiu "do nada".

"No Rocky IV, eu realmente queria um cara grande, horrível e cruel, como um primitivo. E não conseguia encontrá-lo. Encontrei lutadores gigantes e jogadores de futebol. E então, de repente, a porta se abriu, a fumaça entrou, havia luz", disse ele.

O diretor do filme brincou dizendo que a "perfeição" de Lundgren fez com que ele o "odiasse". "Ele tinha ombros largos, era musculoso, estava tudo perfeito. Olhos azuis escancaravam a minha alma. Ele era o verdadeiro exterminador do futuro, e eu fiquei tipo: 'eu odeio esse cara, ele é perfeito demais'. E se eu o detesto assim, tenho certeza que o mundo o fará".

Stallone e Lundgren, além de Rocky IV, também trabalharam juntos em Os Mercenários: lá, o sueco interpretou o personagem Gunner Jensen nos três filmes da série.

Uma nova parceria para a quarta versão do filme não está descartada: "Espero que possamos estar no filme juntos, talvez eu o dirija, eu o produza. Então podemos fazer outros Mercenários", disse o diretor norte-americano.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que informou o quinto parágrafo da matéria, Dolph Lundgren participou dos três filmes da série Os Mercenários, e não apenas do segundo e do terceiro. A informação foi corrigida.

Mais Entretenimento