Topo

Jovens ganham espaço no Inter e criam nova realidade para Libertadores

Ricardo Duarte/Inter
Nonato começa como titular e ganha espaço no elenco do Inter Imagem: Ricardo Duarte/Inter
do UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

2019-02-18T04:00:00

18/02/2019 04h00

Surpresa na escalação do Inter contra o Caxias, ontem, Nonato ganhou espaço. Com 20 anos, o jogador se juntou a Pedro Lucas como os mais jovens do time e mudou a realidade para a Libertadores. Antes brigando por vaga entre os inscritos, agora a dupla pode até ser titular com maior frequência. 

"Fomos bem, principalmente no primeiro tempo quando estava mais tranquilo para jogar. Ele (Nonato) é um ótimo jogador. Eu fiquei mais na frente, tentando reter a bola. No segundo tempo, ficou mais difícil. Mas acho que fomos bem, sim", falou Pedro Lucas. 

Com a mesma idade de Nonato, Pedro ganhou espaço mais cedo. Mesmo que tenha entrado outras vezes e até começado como titular o primeiro jogo da temporada, foi neste domingo que ele iniciou pela primeira vez junto aos titulares e no Beira-Rio. 

Já Nonato sequer era especulado no time. A opção pela colocação dele veio a partir do rendimento nos treinamentos fechados da semana. E para isso, Odair Hellmann optou pela saída de D'Alessandro. 

"O Pedro (Lucas) buscou o espaço dele dentro de campo com naturalidade. As coisas acontecem assim no futebol. O Nonato teve uma renovação de contrato, teve um jogo em que ele teve uma indisposição... Mas estava treinando, evoluindo, recebeu a oportunidade e vai evoluir ainda mais. Deu uma boa resposta, e tem toda uma circunstância de dia a dia e outras situações para que tomemos a decisão no momento certo. Ele deu uma boa resposta, sinal que o momento da oportunidade foi correto. Ficamos felizes por isso", disse Odair Hellmann. 

Cada vez mais perto da estreia na Libertadores, marcada para dia 6 de março, a realidade mudou para ambos. Se antes eles corriam por uma vaga entre os inscritos, como foi no Gauchão, competição em que começaram apenas na "lista de jogadores da base", agora eles acreditam que possam virar titulares definitivamente em breve. 

"Temos um plantel muito grande. Todos que entram precisam provar, dar conta do recado. Eu e o Pedro Lucas, ou todos os meninos da base, trabalhamos para quando o professor Odair precisar, estarmos bem. Se estou aqui é porque trabalhei muito, abdiquei de muita coisa na vida. Fiquei satisfeito pelo meu desempenho, e de todo time. Hoje foi na raça, mas aqui é o Inter, e é assim", disse Nonato após a vitória nos minutos finais no Beira-Rio. 

Sem jogos no meio de semana, o Inter se prepara para pegar o Avenida, no próximo domingo. Será o último jogo oficial antes da estreia na competição continental.

Mais Esporte