PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

'Acompanhava ele com olhar de mãe', diz Marieta Severo sobre Gianecchini

Marieta Severo deixou depoimento sobre encontros com Gianecchini no "Encontro com Fátima Bernardes" - Reprodução/GShow
Marieta Severo deixou depoimento sobre encontros com Gianecchini no "Encontro com Fátima Bernardes" Imagem: Reprodução/GShow
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

29/10/2020 11h56Atualizada em 29/10/2020 12h30

Reynaldo Gianecchini recebeu um recado especial de Marieta Severo durante sua participação no "Encontro" da manhã de hoje.

Na mensagem, a veterana lembrou o encontro dos dois em "Laços de Família" e 15 anos depois em "Verdades Secretas", destacando seu orgulho pela evolução do colega e contando que acompanhou a carreira do ator "com um olhar meio de mãe", emocionando o amigo.

"Eu tive o prazer enorme de participar dos primeiros passos dele. Era muito bacana ficar prestando atenção nele e pensar 'esse veio pra ficar'. 20 anos depois, de tia eu virei amante dele, e vi o ator maduro, seguro de si, cheio de recursos em que ele tinha se transformado. Eu ficava acompanhando a careira dele sempre com o olhar meio da mãe, de ver o filho se desenvolvendo, e foi muito bom contracenar e ver que aquele rapaz lindo havia se tornado um homão maravilhoso. Um beijo, com muito orgulho desse atorzaço que você se transformou", declarou Marieta no programa de Fátima Bernardes.

Giane correspondeu os elogios da atriz, dizendo ter "ganhado o dia" com o recado e elogiando a generosidade dela em "Laços de Família".

"Eu tenho tanto amor pela Marieta. Gente, como ela brilha, e eu lembro que ficava encantado, porque eu tinha tanta dificuldade de fazer minha primeira novela, e ela com uns textos enormes, ela fazia com tanta facilidade, com tanta diversão, com tanto brilho, era uma aula. E eu continuo a absorver muita coisa dela", afirmou.

Ainda comentando a novela de Manoel Carlos, o ator fez uma avaliação de como a história "envelheceu", elogiando que hoje, durante a reprise no "Vale a Pena Ver de Novo", as pessoas sejam mais críticas das atitudes de seu personagem, Edu.

"Eu tô assistindo agora. Hoje eu consigo olhar pra tanta coisa, eu não sofro mais. Eu dei o meu melhor dentro do que eu conseguia dar naquela época. Uma coisa que eu queria comentar é quanta coisa andou nesses 20 anos. A gente já tem muito mais consciência. Agora o Edu não está mais passando tão batido, antes a culpa ficava muito na Camila. Por que que ficou tanta culpa na menina? Foi um processo a dois. E isso o pessoal da rede social não deixa passar batido. E é muito bom notar que a gente tá olhando melhor, discutindo mais as coisas", afirmou.

Gianecchini, que recentemente abandonou os cabelos grisalhos "para um trabalho da casa", ainda definiu qual foi seu maior desafio como ator na TV Globo.

"Tão difícil de falar, porque fazer novela já é um desafio gigante, mas talvez eu diria que foi esse negócio da comédia, com o Pascoal de 'Belíssima'. Ali eu descobri a comédia em mim e também as pessoas começaram a me chamar pra fazer comédia e viram isso em mim. Na época eu pensei: Ou dá muito certo e eu entro em um lugar novo ou eu vou ser limado para sempre, porque não tinha como fazer em cima do muro esse personagem, né?", explicou.

Entretenimento