PUBLICIDADE
Topo

Adriana Sant'Anna diz que 'babá foi feita para o serviço' que não é da mãe

Adriana Sant"Anna com os filhos, Rodrigo e Linda - Reprodução/Instagram
Adriana Sant'Anna com os filhos, Rodrigo e Linda Imagem: Reprodução/Instagram
do UOL

Do UOL, em São Paulo

15/07/2020 10h33Atualizada em 15/07/2020 12h35

Adriana Sant'Anna defendeu a contratação de babás para ajudar as mães a cuidarem dos filhos. Em vídeos no Instagram, a ex-BBB contou que não quis contratar cuidadora quando teve seu primeiro filho, Rodrigo (hoje com 4 anos), mas mudou de ideia quando teve a segunda, Linda (2 anos). Disse ainda que babás servem para "facilitar" a vida dos pais e "fazem muito bem o trabalho delas".

Ela admitiu que "ficou meio maluca" tendo que cuidar do primeiro filho sozinha, mesmo com a ajuda do marido, Rodrigão. "A gente já estava morto de cansaço, eu não conseguia produzir leite, porque estava cansada, virando noite. A gente que tinha que dar banho, a gente que tinha que fazer tudo", lembrou.

Adriana disse que sua resistência para contratar uma babá era por achar que "seria menos mãe". Quando começou a trabalhar com uma profissional do ramo, no entanto, percebeu algo diferente.

"Babá foi feita para fazer os serviços que não são para você: arrumar armário, deixar banho pronto, deixar toalha, deixar as coisas prontas para facilitar a sua vida. Que bom que existe essa função, que elas ganham muito bem, e que elas fazem muito bem o trabalho delas", disse.

A ex-BBB contou que não tem mais babá, pois os filhos estão mais crescidos, mas que voltará a contratar uma se precisar. Ela ainda frisou que este tipo de profissional ajuda principalmente quem não tem família por perto.

"Tem famílias que a avó pode estar junto 24 horas, ou três vezes na semana, enfim... estamos falando em um cenário que a gente não tem ninguém. Lógico que eu ia amar se tivesse minha mãe e minha sogra comigo aqui", ponderou.

Entretenimento