PUBLICIDADE
Topo

Grêmio fez demissões no futebol para controlar autogestão após títulos

Renato Gaúcho viu comissão técnica do Grêmio passar por mudanças durante a pré-temporada - Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Renato Gaúcho viu comissão técnica do Grêmio passar por mudanças durante a pré-temporada Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
do UOL

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

22/01/2020 04h00

Há uma semana, o Grêmio concluiu medida que causou impacto no vestiário. A demissão de sete integrantes da comissão técnica durante a pré-temporada foi a ação do clube para reagir aquilo que foi diagnosticado como processo avançado de autogestão no elenco. Com a intervenção, a diretoria entende ter restabelecido o fluxo e aproximado o setor de administração com o departamento de futebol.

As trocas ocorreram na ausência de Renato Gaúcho, de licença médica por dez dias após cirurgia no coração. O treinador, contudo, sabia previamente das demissões. Dos cargos e dos nomes que seriam desligados.

No final do ano passado, a diretoria fez um balanço da temporada e análise do elenco. O relatório diagnosticou que havia um distanciamento entre elenco e comissão técnica do restante do clube. O 'grupo fechado', clichê do futebol, havia se tornado muito mais do que sinônimo de união. A leitura foi de que o isolamento precisava ser rompido.

As eliminações na semifinal da Copa do Brasil e Libertadores, com diferentes tipos de trauma, pesaram. Contra o Athletico Paranaense, a queda veio nos pênaltis depois de 2 a 0 em Porto Alegre. À época, e atualmente, a leitura é que houve falta de concentração para manter vantagem e ir à final do torneio brasileiro de mata-mata. Diante do Flamengo, o placar por si só resume: 5 a 0 no Maracanã.

Multicampeão desde 2016, o Grêmio viu o elenco se reformular aos poucos. O grupo vencedor da Copa do Brasil diante do Atlético-MG passou por ajustes antes de vencer a Libertadores do ano seguinte, contra o Lanús-ARG. Em 2018, agregou mais jovens, reforços rodados e chegou à semifinal da Libertadores. No ano passado, o processo continuou.

Foram demitidos profissionais com diferentes setores, mas todos com anos de clube. O maior choque surgiu com a saída de Rogério Dias, preparador físico, e Rogério Godoy, preparador de goleiros.

Kannemann errou leitura

Em entrevista coletiva de ontem (21), Renato Gaúcho indicou que Walter Kannemann errou a leitura ao saber das demissões no vestiário do Grêmio. O zagueiro, ao criticar a decisão, citou o 'outro lado' em referência à administração do clube. Lá está Carlos Amodeo, gerente geral do clube, e que teve atrito com o departamento de futebol ao longo de 2019.

"O Kannemann é nosso pitbull. Ele interpretou de uma maneira errada essas decisões e não cabe aos jogadores, ao treinador, falar das decisões do presidente", disse Renato.

De fato. Amodeo não foi o mentor das demissões no futebol do Grêmio. O dirigente remunerado ficou ao largo do processo, tocado pelo Conselho de Administração. Até por isso, Renato Gaúcho citou o diretor nominalmente duas vezes na entrevista concedida no CT. O gesto final de aproximação entre os setores do clube.

A despeito das demissões, o Grêmio abre o Campeonato Gaúcho hoje (22). Diante do Caxias, conforme antecipou o UOL Esporte, o elenco principal será utilizado. Renato Gaúcho estará à beira do gramado e nos corredores do estádio e do CT Presidente Luiz Carvalho a certeza dos dirigentes de que as arestas foram aparadas e o muro criado entre campo e gabinetes ganhou portas e janelas.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO x CAXIAS

Data e hora: 22/01/2020 (quarta-feira), às 20h (horário de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: PPV
Árbitro: Leandro Vuaden
Auxiliares: Leirson Peng Martins e Mateus Rocha

GRÊMIO: Paulo Victor (Julio César); Victor Ferraz, David Braz, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon, Lucas Silva, Alisson, Thaciano e Everton; Luciano. Técnico: Renato Gaúcho

CAXIAS: Marcelo Pitol; Ivan, Laércio, Thiago Sales e Eduardo Diniz; Juliano e Carlos Alberto; Juninho Potiguar, Diogo Oliveira e Tilica; Gilmar
Técnico: Lacerda

Esporte