PUBLICIDADE
Topo

Aos 56, mãe do 'De Férias' diz se pega novinhos: 'Mãe do Neymar deu show'

Regina Adamovich - Divulgação/MTV
Regina Adamovich Imagem: Divulgação/MTV
do UOL

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

02/07/2020 04h00

Minha cabeça não vai acompanhar a minha idade. Às vezes acho que sou filha dos meus filhos

Aos 56 anos, Regina Adamovich encara um dos maiores (além de mais divertidos) desafios de sua vida: participar do "De Férias com o Ex: Brasil", da MTV. Ela entra no episódio de hoje como mãe do participante Igor Adamovich. as Outras temporadas do programa você pode acompanhar pelo UOL Play.

Regina vê a participação no reality com uma quebra de tabus. Esta é a primeira vez que alguém da faixa etária dela entra na edição brasileira do "De Férias". Se ela gosta de um novinho? Regina está solteira e afirma não ser nem um pouco careta, mas admite que nunca se relacionou com alguém tãããão mais novo do que ela.

Muito mais novo nunca [se relacionou]. É uma novidade. Bem que eu queria. Olha o show que a mãe do Neymar deu [pelo namoro com Tiago Ramos, de 23 anos, que chegou ao fim recentemente]! Causa inveja para todo mundo

Mas rolou algo por lá?

Ela deixa no ar sobre ter rolado algo a mais com algum participante e diz que estava tensa antes de sair do mar. Experiência que ela descreve como a sensação de encarnar a própria Garota do Fantástico, clássico quadro do programa da Globo nos anos 80.


Sou muito crítica comigo mesma. Fico toda hora me corrigindo. Foi um obstáculo, um tabu para quebrar. O que vou fazer nesse programa? Não deu tempo nem de emagrecer. Mas que se dane, a Preta Gil está aí linda e maravilhosa. Conversei com a diretora e ela me falou, 'você está linda'. Eu estava nervosa. Brinquei, 'olha os takes que vocês vão dar, hein!'

De quem é o próximo ex?

É tudo de verdade

Não bebi para sair do mar. Essa quebra de padrão começou dentro da minha cabeça. Tudo o que causa estranheza em um primeiro momento lá na frente terá uma recepção legal. Trabalho com produção de moda e sei que o novo é estranho

Depois de ter sua participação anunciada, Regina começou a receber elogios nas redes sociais (ela se diverte citando alguns, como "maravilhosa" e "sou seu crush"), mas também ofensas que ela prefere não dar atenção.

"Leio todos os comentários. O Igor já foi alvo de fofoca. Aprendemos a lidar com esse tipo de comentário e temos que abstrair. Hoje leio e sinto pena de quem fala mal. Por exemplo, falaram: 'ridículo entrar uma pessoa mais velha'. Tem que abstrair".

O que a irrita de verdade é falarem que a sua cena de entrada no reality foi combinada.

"Isso me dá uma raiva! Muita gente acha que foi armado. Detesto injustiça e não foi nada armado. Foi a maior surpresa. Meu maior medo era como as meninas iriam me receber. Rola uma rivalidade quando entra uma mulher nova, mas a minha filha Valentia falou, 'relaxa'. E elas foram maravilhosas", elogia.

Igor Adamovich fez minissérie na Globo

Regina Adamovich se define como uma mãe amiga de seus filhos e lembra que sempre esteve próxima em momentos importantes.

Talvez você não saiba, mas Igor, muito antes de virar cantor — era integrou a boy band P9 —, brilhou na tela da Globo aos oito anos de idade na minissérie "Um Só Coração". Regina era quem o acompanhava nas gravações.

Igor Adamovich fez a minissérie 'Um Só Coração', na Globo, aos 8 anos - Reprodução - Reprodução
Igor Adamovich fez a minissérie 'Um Só Coração', na Globo, aos 8 anos
Imagem: Reprodução

"Ele era filho do Tarcísio Meira. Ele teve que tocar piano e foi um momento de start para o Igor entrar na música. Eu treinei com ele no piano. Foi quando se apaixonou pela música".

Relembre Igor Adamovich na banda P9

Ela afirma que o filho é bastante ciumento, mas também amoroso e tão engraçado quanto vem se mostrando no "De Férias".

"É muito ciumento, possessivo, mas ele segura a onda. Ele é engraçado e divertido. Se digo que a gente não discute é mentira. Qual pai e qual mãe que não da uma advertência no filho? Quando a coisa pesa e chega o problema somos muito amigos".

Olha só a Regina com os amores de sua vida, Igor e Valentina

"Pensei que fosse morrer"

Obrigada pela homenagem meu filho... Te amo??

Uma publicação compartilhada por Regina Adamovich (@readamovich) em

Há cinco anos, Regina Adamovich passou por uma das situações mais difíceis de sua vida. Ela foi diagnosticada com um tumor do tamanho de um limão no cérebro e precisou recorrer a uma cirurgia. Regina se emociona ao se lembrar deste momento.

Esperei passar os 15 anos da Valentina [sua outra filha]. Pensei, 'meu Deus, vou morrer'. Os médicos falaram que eu ficaria surda. Eu só não queria ficar doente, de cama. Eu tinha muito medo, mas ao mesmo tempo sou otimista. Ou me enterrava ou acreditava. Resolvi acreditar e curtir como se fossem meus últimos dias. Antes da cirurgia nasceu meu neto, filho do Igor

Em uma homenagem, Igor tatuou o rosto da mãe no antebraço.

"A metade do meu rosto do lado do tumor ele cortou e colocou a Estátua da Liberdade. Você se liberta de um problema e esse é o lugar que eu mais amo. Já fui 12 vezes a Nova York", explica.

Entretenimento