Topo

Protagonismo de Talles mexe com Vasco e já dá "dor de cabeça" a Luxemburgo

do UOL

Alexandre Araújo e Bruno Braz

Do UOL no Rio de Janeiro (RJ)

15/09/2019 04h00

O protagonismo que o jovem Talles Magno, de 17 anos, assume no Vasco movimenta os bastidores do clube e, de certa forma, já leva preocupação à comissão técnica. Autor do gol da vitória sobre a Chapecoense, ontem (14), pelo Campeonato Brasileiro, o jogador já foi procurado pela diretoria cruzmaltina para negociar a renovação do seu contrato, que vai até 30 de junho de 2021.

Nas conversas, estão inclusas também uma melhora salarial e um aumento na multa rescisória, que, atualmente, é de 30 milhões de euros (cerca de R$ 136 milhões) para clubes de fora do país.

Em meio a este trâmite, o jovem também deve "mudar de mãos". Atualmente, Talles é vinculado à "Life Pro", que recentemente negociou com o Vasco nomes como Maxi Lopez, Leandro Castan e Bruno César. Porém, a partir de outubro, mês em que o contrato entre o jogador e a empresa termina, a carreira dele deve passar a ser gerenciada pelo empresário Carlos Leite.

Além desta movimentação nos bastidores, há também uma atenção ao que acontece dentro das quatro linhas. Isso porque Talles vem sendo chamado constantemente para a seleção brasileira sub-17 - o que foi motivo de atrito entre Vasco e CBF - e deve integrar a lista para o Mundial da categoria, que começa no fim de outubro e vai até meados de novembro.

Desta forma, o jogador deve ser desfalque para o técnico Vanderlei Luxemburgo em um momento de decisão no Brasileirão, o que pode ser crucial para o Cruzmaltino.

"Talles vai ser um problema para nós. Em outubro tem o Mundial sub-17, com jogos domingo e quarta. Dancei, vou ficar sem o Talles", disse Luxa, após o triunfo sobre a Chape.

Enquanto isso, Talles vai ganhando mais espaço no elenco e mais experiência no grupo principal. Após o triunfo na Arena Condá, foi elogiado pelo goleiro Fernando Miguel depois de marcar o seu segundo gol como profissional - antes, havia balançado a rede na vitória sobre o São Paulo.

Mais Esporte