PUBLICIDADE
Topo

Entretenimento

Ricky Martin teve medo de não 'fazer mais nada' no isolamento da pandemia

Ricky Martin planeja lançar mais um EP como continuação do "Pausa"; cantor quer referências do caribe, Brasil e de África no trabalho - REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Ricky Martin planeja lançar mais um EP como continuação do "Pausa"; cantor quer referências do caribe, Brasil e de África no trabalho Imagem: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
do UOL

Do UOL, em São Paulo

11/08/2020 12h43Atualizada em 11/08/2020 14h08

Até quem canta não conseguiu espantar alguns dos males que o mundo vive hoje. O cantor Ricky Martin disse em entrevista à revista Out o medo e a ansiedade que sentiu quando sua turnê pela América foi cancelada em razão da pandemia de coronavírus.

Martin havia desembarcado em Los Angeles, nos Estados Unidos, quando o isolamento foi adotado.

O cantor disse que experimentou uma crise de ansiedade pela primeira vez.

Para mim foi tipo: não sei fazer mais nada. Sempre achei que seria capaz de fazer isso [cantar] pelo tempo que quisesse — mesmo que parecesse ridículo no palco aos 70 anos com uma bengala, era minha opção. Mas aparentemente isso não existia mais."

- Ricky Martin sobre medo na pandemia

Vou me aprofundar no meu lindo Caribe e vou trazer todos os meus ancestrais. Quero ir ao Brasil. Eu definitivamente quero ir para a África pela bateria e pelas percussões. Eu quero que as pessoas dancem."

- Ricky Martin sobre próximo EP

Ele contou com a ajuda do marido, o pintor Jwan Yosef, durante o período de quarentena que passou com a mãe. Por fim, ele também contou sobre a possibilidade de aumentar a família: Martin já é pai de quatro filhos.

Há momentos em que quero mais 10 e, em seguida, há aquelas manhãs em que todo mundo está chorando e eu fico tipo, 'OK, talvez estejamos bem às seis."

- Ricky Martin conta indecisão de ter novos filhos

Entretenimento