PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

China revisa números, e mortes por chuvas passam de 300

02/08/2021 08h48

PEQUIM, 2 AGO (ANSA) - A China revisou os números das fortes chuvas que atingiram a área central do território, especialmente, a província de Henan e informou que 302 pessoas morreram na onda de mau tempo iniciada no dia 16 de julho. Há ainda 50 desaparecidos.   

Segundo as autoridades, em boletim divulgado nesta segunda-feira (2), 292 mortes ocorreram na capital da província, Zhengzhou, até este domingo (1º). Das vítimas, 14 faleceram dentro de uma linha de metrô e outras 39 em locais subterrâneos, como estacionamentos e túneis.   

Em apenas três dias na última semana, caíram 617,1 milímetros de água na cidade, o que, praticamente, corresponde ao índice pluviométrico do ano inteiro - que é de 640,8mm. Meteorologistas classificaram a onda de mau tempo como "a pior em mil anos".   

Zhengzhou é uma cidade de cerca de 12 milhões de pessoas e as autoridades locais foram muito criticadas por não tomarem medidas para prevenir as mortes - já que haviam alertas de que fortes chuvas atingiriam a área.   

Mais de 580 mil hectares de plantações foram devastadas pela força das águas em toda a província e os prejuízos passam dos US$ 18 bilhões. (ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Notícias