PUBLICIDADE
Topo

Notícias

PF faz operação para apurar suspeita de fraude em licitações da Infraero

Imagem de Congonhas; suspeita é que áreas internas do aeroporto paulistano e do Santos Dumont (Rio de Janeiro) eram subavaliadas em licitações - Enilton Kirchhof / Força Aérea
Imagem de Congonhas; suspeita é que áreas internas do aeroporto paulistano e do Santos Dumont (Rio de Janeiro) eram subavaliadas em licitações Imagem: Enilton Kirchhof / Força Aérea
do UOL

Do UOL, em São Paulo

21/10/2020 08h14

A Polícia Federal realiza hoje uma operação para apurar suspeita de fraude em licitações na Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária). Ao todo, estão sendo cumpridos 19 mandados de busca e apreensão no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Paraná e Rio Grande do Norte.

De acordo com a PF, as investigações apontam que áreas destinadas a "lounges" e quiosques de alimentação eram subavaliadas nos aeroportos de Congonhas (São Paulo) e Santos Dumont (no Rio de Janeiro) com a intenção de desqualificar empresas que não estivessem associadas ao grupo investigado. A prática permitia a contratação de propostas menos vantajosas.

A suspeita é que a fraude ocorreu de 2016 a 2018, com prejuízo estimado em R$ 10 milhões.

São alvos da operação de hoje empregados da Infraero e empresários dos ramos de turismo e de alimentação. A PF não divulgou nomes dos suspeitos.

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de associação criminosa, corrupção, violação de sigilo funcional e crimes licitatórios.

Segundo a Polícia Federal, a suspeita foi identificada pela própria Infraero, que conduziu um procedimento interno. A empresa ainda não se manifestou sobre a operação.

Notícias