PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Coreia do Norte diz que EUA se decepcionarão se interpretarem mal seus sinais

22/06/2021 10h48

Por Josh Smith

SEUL (Reuters) - Uma autoridade de alto escalão da Coreia do Norte alertou os Estados Unidos nesta terça-feira a não interpretarem mal comentários de seu líder, dizendo que fazê-lo causaria decepção, na ocasião em que um enviado norte-americano que visa retomar as conversas com Pyongyang se encontrou com o presidente da Coreia do Sul.

Kim Yo Jong, integrante graduada do partido governista norte-coreano e irmã do líder, Kim Jong Un, divulgou um comunicado na mídia estatal dizendo que os EUA parecem estar interpretando sinais de seu país da "maneira errada".

Ela reagia ao conselheiro de Segurança Nacional norte-americano, Jake Sullivan, que no domingo disse ter visto um "sinal interessante" em um discurso recente de Kim Jong Un a respeito de preparativos tanto para um confronto quanto para a diplomacia com os EUA.

"Parece que os EUA podem interpretar a situação de maneira a buscar se reconfortar", disse ela no comunicado publicado pela agência de notícias estatal KCNA.

"A expectativa, que eles escolheram acolher da maneira errada, os mergulharia em uma decepção maior."

O programa de armas nucleares da Coreia do Norte é um problema aparentemente intratável para os EUA há anos.

O governo do presidente, Joe Biden, realizou uma revisão da política para a Coreia do Norte que concluiu que os EUA se esforçariam em encontrar maneiras "calibradas e práticas" de induzir o regime a abdicar de suas armas nucleares.

(Reportagem adicional de Hyonhee Shin e Sangmi Cha)

Notícias