PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Conteúdo publicado há
1 mês

Mulher é presa ao entrar em delegacia na BA com maconha dentro de mandiocas

Suspeita afirmou ter recebido entrega de outra pessoa e levantou suspeitas de policiais - Polícia Civil da BA/Divulgação
Suspeita afirmou ter recebido entrega de outra pessoa e levantou suspeitas de policiais Imagem: Polícia Civil da BA/Divulgação
do UOL

Ed Rodrigues

Colaboração para o UOL, no Recife

05/03/2021 17h13

Uma mulher de 26 anos foi presa ao tentar entrar em uma delegacia com porções de maconha escondidas dentro de mandiocas. O caso inusitado ocorreu na cidade de Santa Maria da Vitória (BA), a 860 km de Salvador. A suspeita, que não teve o nome divulgado, costuma ir até o local todas as semanas para visitar o companheiro preso.

Segundo o delegado Alexandre Haas, gestor da 26ª Coordenadoria Regional de Polícia do interior baiano, a mulher foi presa em flagrante por tráfico de drogas. Ao UOL, Haas explicou que o entorpecente apareceu durante a revista de alimentos.

"Para complementar a alimentação do estado, a gente permite a entrega de alguns alimentos. Ontem, ela chegou com essas sacolas. Quando o carcereiro virou, a mandioca já estava até cortada e com os papelotes dentro", disse.

A partir desse momento, a suspeita começou a ficar nervosa. Um agente civil se aproximou e percebeu que se tratava de maconha. O policial chamou reforço e deu voz de prisão à mulher.

"Ela alegou que recebeu essas sacolas de uma outra pessoa, que não soube dizer o nome. E que essa pessoa é de um município próximo, chamado Cocos. Ela tentou dizer que não sabia de nada", contou o delegado.

As equipes da delegacia de Santa Maria da Vitória estão colhendo mais informações dentro do próprio Auto de Prisão em Flagrante Delito e, se ficar claro e provado a origem do entorpecente, um inquérito pode ser instaurado.

Alexandre Haas acrescentou que a mulher não tem antecedentes criminais e que o companheiro dela está preso por violência doméstica.

"Foi preso em flagrante por agredir a irmã. Está na delegacia carcerária desde meados de janeiro deste ano. E, desde então, ela o visita todas as quintas-feiras", concluiu.

Notícias