Topo

Parlamentares participam de ato simbólico de recolocação da placa na Câmara

Deputada Benedita da Silva em protesto contra ato do deputado Coronel Tadeu - Reprodução/Facebook
Deputada Benedita da Silva em protesto contra ato do deputado Coronel Tadeu Imagem: Reprodução/Facebook
do UOL

Do UOL, em São Paulo

20/11/2019 18h40

Parlamentares da oposição participaram hoje de um protesto, na Câmara dos Deputados, contra o ato do deputado Coronel Tadeu (PSL-SP). Eles expuseram nas paredes do corredor que dá acesso ao plenário algumas representações da arte do cartunista Carlos Latuff, como um ato simbólico de recolocação da placa rasgada pelo parlamentar.

Ontem, Coronel Tadeu rasgou uma placa contra o genocídio da população negra, que fazia parte de uma exposição sobre o Dia da Consciência Negra. O cartaz continha uma imagem de representação de um homem negro deitado no chão algemado e um policial com a arma saindo fumaça.

No evento, a deputada federal Benedita da Silva (PT) declarou: "Nós não aceitamos essa prática de racismo. Nós queremos que a placa seja recolocada hoje. Não adianta fazer homenagem e depois nos dar tapa na cara, quebrando o que temos construído".

Ainda completou: "Ele [Coronel Tadeu] tem que responder por isso, é crime, dano ao patrimônio público. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse que vai recolocar a placa. Enquanto isso não acontece, nós estamos aqui, na resistência".

Ontem, o presidente da Câmara, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), deu um sermão contra a atitude do Coronel Tadeu.

"Esse é um dia em que deveríamos defender a inclusão e a igualdade de oportunidades. E não agredindo um cartaz que pode, inclusive, ser injusto com parte da polícia, mas devemos ouvir com diálogo, nunca com agressão", prosseguiu. Então espero que um ato como esse, certamente impensado em um momento de mais nervosismo do deputado, que isso não repita porque isso não é bom para uma Casa que pensa em representar a todos os brasileiros e não a parte deles".

Notícias