Topo

Dez vezes em que Preta Gil usou as redes para quebrar padrões de beleza

Colaboração para o BOL

08/08/2018 07h59

Completando 44 anos nesta quarta-feira (8/8/2018), a artista dá exemplo de aceitação e incentiva seus seguidores nas redes sociais a serem felizes como são. Ela dribla as críticas e usa a internet como ferramenta que promove reflexão e desconstrói os padrões impostos.


Leia também:

  • Reprodução/Instagram

    Felicidade em primeiro lugar

    Em junho deste ano, o recado foi certeiro na imagem publicada no Instagram: "Não podemos e não devemos nos esconder, coloque seu biquíni e seja feliz!". A imagem em que aparece curtindo o sol de biquíni foi tirada pelo maridão Rodrigo Godoy em Petrópolis (RJ)

  • Reprodução/Instagram @pretagil

    Calcinha bege

    Em maio, desafiando também os padrões impostos a uma peça íntima considerada sem graça, Preta postou uma foto usando calcinha bege e ainda revelando na legenda que a roupa em questão já pertencia a seu armário há cinco anos

  • Reprodução/Instagram

    Sensualidade pura

    Abril foi a vez de Preta postar outra imagem de lingerie sem se preocupar com as críticas. "Aquele tbt maroto, uma foto bem sensual porque eu gosto, porque eu quero!!!", escreveu na legenda, recebendo elogios de fãs e de famosos como Pabllo Vittar

  • Reprodução/Instagram @pretagil

    Lição de aceitação

    Em março, a artista aconselhou seus seguidores no Instagram: "Fomos massacradas por uma ditadura que nos dizia que era feio mostrar isso, era feio não ter o corpo magro, e tantas outras imposições. Eu mesma caí nessa armadilha tão cruel, eu também tentei ser quem eu não era e paguei um preço alto. Mas depois de 43 anos e de uma vida muito bem vivida, com muitas superações, muitas lutas e muito amor, eu consegui me libertar e ser eu mesma, e digo a vocês o quão libertador é se amar e se aceitar como nós somos!!! Então meus amores, por favor libertem-se!!! Não tenham vergonha de si própria, não se comparem aos outros, cada mulher tem sua própria beleza, se amem! Juntas somos mais fortes!", escreveu

  • Reprodução/Instagram @pretagil

    O corpo como expressão da vida

    Ao compartilhar imagens de suas férias em Trancoso, na Bahia, Preta aproveitou para dar uma lição de autoestima aos seus seguidores. "Quando olho minhas estrias, minhas celulites não considero imperfeições, lembro que cada marca no meu corpo foi uma vivência, foi uma história. Saibam que eu sou vaidosa sim, que me cuido, faço dieta (forçada, mas faço), faço exercício principalmente pro meu joelho, cuido da minha saúde e é isso que importa: saúde!!! E por fim pra quem escreve 'Nossa queria ter a coragem que você tem' ou 'Nossa, eu não teria coragem de postar uma foto assim, está de parabéns!!!'. Não, eu não precisei de coragem pra ser quem eu sou, eu precisei me amar!!!", escreveu na web

  • Reprodução/Instagram @pretagil

    Ditadura da beleza

    Ainda em março, Preta Gil postou uma imagem usando um maiô branco e causou entre seus seguidores, que não se cansam de elogiar a autoestima da artista. Ela já falou diversas vezes sobre aceitação e, em 2012, declarou, em entrevista ao site Terra: "Já superei a ditadura da beleza. Hoje posso dizer que sou sim um padrão de beleza no Brasil"

  • Reprodução/Instagram @pretagil

    De bem com a vida

    Durante uma viagem em 2017, Preta aproveitou para provocar os seguidores na legenda: "É amor próprio que fala?". Mesmo com alguns fazendo críticas ao seu corpo, a artista foi muito defendida e elogiada por sua postura em curtir a vida sem se preocupar com a opinião alheia

  • Reprodução/Instagram

    Celulite não mede caráter

    Em janeiro de 2016, Preta rebateu críticas ao seu visual no ensaio do Bloco da Preta. "Me deparei com o que já imaginava que iria acontecer: uma chuva podre de ofensas, xingamentos e pseudo opiniões sobre meu corpo e minha roupa. Aprendi a me amar e me valorizar pelo meu caráter. Meu corpo, minhas gordurinhas e minhas celulites não medem o meu caráter a minha garra! Tenho celulite sim e não tenho vergonha delas", afirmou depois que muitas pessoas falaram mal do visual da artista, que cantou com as pernas de fora

  • Reprodução/Instagram

    Afinal, o que é beleza?

    Em outubro de 2016, Preta provocou uma reflexão em seus seguidores. "O que é beleza para você? Cada um que ver essa foto terá uma opinião, e as opiniões irão divergir de acordo com os valores de cada um. Não existe um padrão de beleza, existe um padrão de valores. Valores esses que vejo serem absolutamente distorcidos pela sociedade de acordo com os moldes e interesses de cada época. Nessa minha época, eu decidi que meus valores seriam reais, baseados no amor e respeito a mim mesma e ao próximo. Beleza para mim é dar valor à vida, amar e cuidar dos seus, tentar ser uma pessoa melhor todos os dias, beleza para mim é errar e aprender com seus erros e tentar fazer melhor. Beleza pra mim é ser verdadeiro", opinou

  • Reprodução/Facebook

    Photoshop indevido

    Em 2014, a cantora resolveu desabafar sobre o uso indevido do Photoshop em uma foto sua para a capa da revista Moda Moldes. No Facebook, ela compartilhou imagens e escreveu: "Em estado de choque! Não tem como não me indignar, pois fiz as fotos para a capa dessa revista e a mesma foi publicada sem minha aprovação e do fotógrafo. O Photoshop foi feito por conta própria. Aí está o resultado! A foto original está linda, nem precisava de grandes ajustes. Pra que isso? Que vergonha!!! O trabalho de todos os profissionais envolvidos foi comprometido. Infelizmente, essa que está na capa da revista não sou eu!!!"

Mais Listas