PUBLICIDADE
Topo

Ela não se isenta: nove fatos sobre Letícia Sabatella

Colaboração para o BOL

08/03/2019 08h00

São 48 anos comemorados nesta sexta-feira (8/3/2019). Letícia Sabatella, que celebra o seu aniversário no Dia Internacional da Mulher, canta, atua e dirige. Seu talento a fez ser convidada para estrear na Globo, conheceu o pai de sua filha logo na sua primeira novela, viu a bebê nascer prematura, construiu uma carreira multifacetada e faz questão de ser militante e engajada. Saiba mais sobre a artista!

  • FSP-TV Folha

    De Minas ao Paraná

    Letícia Sabatella nasceu em Belo Horizonte, mas ainda aos quatro anos se mudou com a família para Curitiba. Lá viveu até os 20 e desenvolveu o amor pelas artes. Interessada em dança, canto e teatro, ela não só assistia muitos espetáculos no Teatro Guaíra, como também participava. "Na primeira peça que encenei, aos 14 anos, eu cantava o tempo inteiro. Era 'O Jardim da Terra', do Grupo Alma Nua. Depois, fiz 'Um Pouco Antes do Caos', com o Grupo Panacéia. Ambos amadores. Fora as participações em alguns balés do tipo 'Quebra Nozes' e no 'Grande Circo Místico'. Quando comecei a fazer a faculdade de teatro na Pontifícia Universidade Católica (PUC), com 17 anos, entrei no Coral Sinfônico do Paraná. Fazia várias experimentações e apresentações. Eu vivia dentro do Guaíra", relembrou a artista em entrevista ao site Memória Globo

  • Folhapress

    O convite

    Em meio a essas apresentações de Letícia, um vídeo dela atuando ao lado de outros atores em Curitiba foi parar nas mãos do diretor Luiz Fernando Carvalho em 1991. Assim, encantado, ele convidou a então estudante de artes cênicas de 20 anos para a sua primeira participação profissional na televisão, na minissérie "Os Homens Querem Paz", da Globo. "Era a história de um cangaceiro que voltava à cidade da qual ele havia sido expulso, depois de humilhado e torturado, para se vingar. Eu fazia uma virgem, Rita, que lia histórias de cordel para ele", contou a atriz ao site Memória Globo

  • Divulgação/Globo

    Trabalhos multifacetados

    Depois de sua primeira participação na Globo, a atriz deslanchou e engatou uma série de trabalhos. A primeira novela, "O Dono do Mundo", por exemplo, veio ainda em 1991. Outros trabalhos da atriz foram em "Irmãos Coragem", "Caça Talentos", "Torre de Babel", "A Muralha", "Os Maias", "Porto dos Milagres", "O Clone", "Hoje é Dia de Maria", "JK", "Páginas da Vida", "Caminho das Índias", "Afinal, o Que Querem as Mulheres?", "Tempo de Amar", entre outros. Ela ainda possui uma série de trabalhos no cinema. Em 2008, apresentou o programa "Som Brasil" e gravou a música "A Cigarra" com Elza Soares. Em 2009, dirigiu o seu primeiro documentário, "Hotxuá", e mantém sua carreira artística forte em diversos ramos de atuação

  • Priscilla K./Divulgação

    Brilha, Marilza!

    Letícia Sabatella, além de atriz, arrasa na cantoria e não é à toa. Ela herdou o talento da mãe, a pedagoga aposentada Marilza Sabatella. "O repertório da minha mãe é muito rico. Ela é a minha primeira referência de alguém cantando o tempo inteiro", contou a atriz Letícia em entrevista à revista Quem em 2018, aproveitando para divulgar o primeiro show autoral da genitora. Além de assinar a direção do espetáculo, ela ainda soltou a voz em alguns duetos com Marilza. "Lá em casa todo mundo cantava muito bem: meu pai e minha mãe. A vovó também costurava cantando, cozinhava cantando, fazia tudo cantando", pontuou Marilza

  • Imagem: FSP Ilustrada e AgNews

    Amores

    Ainda na primeira novela, "O Dono do Mundo" (1991), o amor sorriu para Letícia Sabatella, que conheceu Ângelo Antônio (à esquerda). Os dois se casaram, tiveram uma filha - Clara, a única da atriz - em 1993 e passaram 12 anos juntos. Em 2009, foi a vez da artista engatar um namoro com André Gonçalves (à direita). Os dois também iniciaram o envolvimento durante um trabalho juntos, na novela "Caminho das Índias", em que a atriz fez a primeira vilã de sua carreira. O término aconteceu dois anos depois e, depois de seis meses, a artista assumiu o romance com o ator Fernando Alves Pinto

  • Foto Rio News

    Maternidade

    Clara (foto) é a filha única de Letícia Sabatella. Fruto do amor entre a atriz e Ângelo Antônio, a menina nasceu prematura, com apenas 27 semanas de gestação, durante uma viagem dos pais por Minas Gerais para as festas de fim de ano. O casal acompanhou a bebê de pertinho durante os três meses em que ficou internada. Em conversa com o jornal O Globo, em maio de 2018, a artista falou sobre maternidade: "Não é fácil educar uma jovem de afirmação em crescimento. Existe uma hierarquia natural necessária, mas temos muita cumplicidade. Fui mãe aos 21 anos e não foi fácil para nenhuma de nós. Por ser uma pessoa pública, com grande exposição, reconheço que isso afeta quem está em volta de mim, embora Clara saiba lidar bem com isso. Aprendemos muito uma com a outra desde sempre"

  • Leo Franco e Thiago Duran/AgNews

    Cinderela

    Letícia Sabatella subiu ao altar com Fernando Alves Pinto, sobrinho de Ziraldo, em dezembro de 2013, cerca de dois anos depois de ter engatado o romance. Em conversa com a Caras, ela foi só elogios ao amado: "Nando é iluminado, a pessoa mais generosa que conheço, tem atenção especial com o ser humano. Sou intuitiva e ele é mais ligado à terra, com isso, a gente se complementa", derreteu-se. Ela ainda revelou que os dois já se conheciam antes de o amor pintar no ar: "Tinha um afeto de amigo por ele há muito tempo. O amor chegou na melhor hora, em um momento de sabedoria e maturidade". Sobre a união e a cerimônia de casamento, ela afirmou: "Se tivesse 20 anos de idade, iria encarar tudo isso como um conto de fadas, mas, com a maturidade, acabamos não idealizando tanto as coisas. Mas confesso que, lá no fundo, me senti uma Cinderela"

  • Divulgação

    Militante dos direitos humanos e da democracia

    A atriz está constantemente envolvida em questões políticas, sociais e ambientais e não se isenta na hora de assumir posicionamentos. Ela, por exemplo, esteve em diversas manifestações contra a transposição do rio São Francisco, é simpatizante do Movimento os Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) - participando de eventos promovidos pela organização e demonstra preocupação pela causa indígena, tendo feito um documentário sobre os krahôs. Em evento ao lado da então presidente Dilma Rousseff, ela se declarou opositora do governo petista, mas afirmou ser contra o impeachment e se manifestou contra Michel Temer, chegando a ter o perfil bloqueado no Facebook após denúncias de internautas

  • Eduardo Knapp/Folhapress

    Segredos de beleza

    Em 2018, Letícia Sabatella conversou com o GShow sobre os seus segredos de boa forma e beleza: "Vou na academia, faço ioga e dança. Ando de bicicleta e caminho muito. Na verdade, estou devagar porque estou me recuperando de uma lesão. Ano passado rompi a panturrilha, parei de treinar e acabei engordando. Como algumas personagens permitiam quilinhos extras, dei uma relaxada. Hoje, estou me cuidando mais com foco na saúde. Sou zero neurose. Dou preferência aos orgânicos e evito refeições pesadas com açúcar e gorduras. Cada vez mais me alimento de comidas cruas e prezo pela alimentação antioxidante. Pela manhã, meu ritual é água com limão e suco verde. Minhas refeições são com zero frituras, industrializados ou processados. Não fico preocupada com as rugas e não sou a pessoa ideal para o botox, morro de medo do que pode acontecer. Acho perigoso para minha profissão ficar com rosto sem expressão", garantiu a artista, que é vegetariana

Listas