Topo

Ferrari projeta volta por cima de Vettel no GP da Alemanha

23/07/2019 13h55

ROMA, 23 JUL (ANSA) - A Ferrari irá para o Grande Prêmio da Alemanha, em Hockenheim, projetando uma volta por cima do piloto Sebastian Vettel. O alemão usará o fator casa para se recuperar da última corrida e tentar trazer a primeira vitória da equipe italiana na atual temporada.   


No GP de Silverstone, na Inglaterra, Vettel errou o ponto de frenagem após ter sido ultrapassado pelo holandês Max Verstappen e bateu na traseira do piloto da Red Bull Racing. O alemão tomou 10 segundos de punição e encerrou a prova na 16ª colocação.   


O tetracampeão também tentará se redimir do erro que cometeu em Hockenheim na temporada passada. Na ocasião, Vettel largou na pole-position e estava com a vitória praticamente garantida, mas nas voltas finais, o alemão errou por causa da pista úmida e bateu na barreira de proteção. Para piorar, o piloto viu Lewis Hamilton vencer a prova.   


"Temos de compensar o que aconteceu no ano passado, sobretudo eu, estou ansioso para pilotar em Hockenheim. O ambiente é sempre fenomenal e os fãs são incríveis. Lembro de muitas bandeiras alemãs no entorno da pista no ano passado, foi encantador", disse Vettel.   


"Quanto à pista, parece fácil à primeira vista. Sobretudo a última parte da volta, gosto muito, mas também é muito técnica.   


Há muitos fãs ali e acho que é realmente a parte a se destacar da pista. Diria que a curva 1 é uma das mais difíceis. É muito rápida e termina antes que você se dê conta, de modo que é importante fazê-la bem para o restante da volta", continuou o alemão.   


O companheiro de equipe de Vettel, Charles Leclerc, está em um bom momento na temporada. O jovem piloto ficou com a terceira colocação no último GP, atrás somente dos dois carros da Mercedes. Em Hockenheim, o monegasco comentou que a equipe "lutará pela vitória".   


"Estou ansioso para ir a Hockenheim. Evoluímos nos últimos finais de semana em classificação. Agora temos de nos concentrar no ritmo de corrida porque parece que é nisso que estamos sofrendo mais agora. Quanto ao circuito, tem boas características, uma mescla de curvas distintas e retas. A última corrida foi muito emocionante e divertida dentro do carro, espero que a da Alemanha também seja boa e que possamos lutar pela vitória", comentou Leclerc.   


Já o chefe da equipe de Maranello, Mattia Binotto, revelou que não terá atualizações nos monopostos e está apostando em um "bom trabalho" no GP alemão, já que Vettel irá correr em casa.   


"O GP da Alemanha é, antes de tudo, a corrida de casa para Sebastian, de modo que esperamos fazer um bom trabalho em Hockenheim, sobretudo depois da corrida do ano passado lá, quando a vitória nos escapou no desfecho de um fim de semana em que nossa performance foi a correta", disse Binotto.   


- Mercedes - Também correndo dentro de casa, a Mercedes terá novidades para a próxima prova. O time alemão celebrará o 200º GP da sua história e adotará uma marca retrô em seus monopostos. Além disso, a equipe usará uma pintura especial para celebrar o aniversário de 125 anos no automobilismo.   


"A corrida deste ano será muito especial: somos o patrocinador master do GP da Alemanha e a prova marcará o 200º GP da Mercedes na Fórmula 1. Além disso, também celebraremos os 125 anos no automobilismo", afirmou o chefe da Mercedes, Toto Wolff.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Mais Notícias