PUBLICIDADE
Topo
Notícias

Notícias

Pondé diz que Lula 'teria se saído melhor' que Bolsonaro na gestão da covid

Pondé disse que Lula teria administrado o país "melhor" que Bolsonaro na pandemia - Reprodução/Jovem Pan
Pondé disse que Lula teria administrado o país 'melhor' que Bolsonaro na pandemia Imagem: Reprodução/Jovem Pan
do UOL

Colaboração para o UOL

19/04/2021 17h20

O filósofo Luiz Felipe Pondé disse acreditar que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) teria administrado de forma mais eficiente o Brasil durante a pandemia do novo coronavírus. A declaração foi dada hoje em entrevista ao programa "Pânico", na rádio Jovem Pan, ao analisar a gestão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) durante a crise causada pela covid-19.

"Sempre participei da briga, fui um dos primeiros a criticar abertamente o PT. No entanto, de forma alguma podemos dizer que estamos tendo uma administração republicana da crise sanitária no Brasil", afirmou Pondé, ressaltando que, "levando em conta os governos testados, as experiências de Lula e Bolsonaro, me parece que Lula teria se saído melhor na administração da pandemia".

"Acho difícil uma terceira via"

Ao "Pânico", Luiz Felipe Pondé também fez uma análise sobre a corrida presidencial de 2022 e se mostrou cético quanto ao surgimento de uma terceira via para se opor ao atual presidente e ao pré-candidato petista.

"Acho difícil que surja uma terceira via, mas o ideal seria isolar bolsonaristas e petistas em 2022. Caso conseguíssemos construir uma candidatura com os nomes de centro disponíveis no mercado, poderíamos encontrar uma solução viável entre os extremos", opinou.

Para o filósofo, os principais nomes de centro para se opor a Bolsonaro e Lula são o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), o senador tucano Tasso Jereissati (PSDB-CE), o ex-governador Ciro Gomes (PDT) e o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM).

Notícias