Topo

Aumenta para 2 número de mortos em tiroteio em escola ao norte de Los Angeles

14/11/2019 18h16

Los Angeles (EUA), 14 nov (EFE).- Com a confirmação da morte de um estudante de 14 anos, as autoridades informaram que duas pessoas morreram devido ao tiroteio ocorrido nesta quinta-feira em uma escola ao norte da cidade de Los Angeles, nos Estados Unidos, durante o qual o atirador tentou tirar a própria vida, segundo a polícia.

Em entrevista coletiva, o chefe do Departamento do Xerife do Condado de Los Angeles (LASD, na sigla em inglês), Alex Villanueva, confirmou que dois estudantes, um adolescente de 14 anos e uma de 16, morreram por causa do tiroteio, que supostamente foi causado por outro aluno da instituição de ensino.

Villanueva explicou que as autoridades receberam uma chamada de emergência às 7h30 (horário local; 12h30 em Brasília) que relatava tiros na escola Saugus High School, situada 85 quilômetros ao norte de Los Angeles.

Quando a polícia chegou, encontrou seis estudantes feridos - todos com idades entre 14 e 16 anos - e os transferiu a hospitais próximos. Depois de uma rápida investigação, a policía confirmou que o suposto atirador estava entre os feridos.

As imagens das câmeras de segurança revelaram que o suspeito tirou da mochila uma pistola semiautomática de 45 milímetros, disparou contra um grupo de estudantes e depois tentou se matar, com um tiro na cabeça, explicou Villanueva.

O suspeito, que foi descrito como um jovem asiático e que faz aniversário nesta quinta-feira, está fora de perigo, de acordo com a polícia. Outros três estudantes permanecem internados, um deles em estado crítico. EFE

Notícias