Topo

Reis da Espanha chegam à Argentina para visita oficial

2019-03-24T23:48:00

24/03/2019 23h48

Buenos Aires, 24 mar (EFE).- Os reis da Espanha chegaram neste domingo a Buenos Aires para sua primeira visita de Estado à Argentina, onde aconteceu um fato inusitado, pois demoraram quase uma hora para desembarcar do avião devido à ausência no aeroporto de uma escada adequada.

O Airbus 310 da Força Aérea Espanhola no qual viajaram para a capital argentina aterrissou no aeroporto metropolitano Jorge Newbery pouco antes das 21h (horário local, mesmo de Brasília).

Trata-se de um aeroporto no qual habitualmente operam aviões de menor altura e envergadura em comparação aos que voam para o aeroporto internacional de Ezeiza, situado a cerca de 35 quilômetros a sudoeste de Buenos Aires.

A proximidade do Jorge Newbery ao centro da cidade foi um dos motivos pelos quais se decidiu que o avião dos reis espanhóis aterrissasse na sua pista.

A aeronave se deslocou até o local no qual seus ocupantes tinham que descer, onde já estavam esperando as autoridades correspondentes.

Entre elas, o ministro das Relações Exteriores espanhol, Josep Borrell (que tinha viajado previamente a Buenos Aires para participar de diversos atos) e seu colega argentino, Jorge Faurie.

Também aguardavam, entre outros, o embaixador espanhol em Buenos Aires, Javier Sandomingo, e o da Argentina em Madri, Ramón Puerta.

Mas os responsáveis do aeroporto não levaram em conta o tamanho do avião, e quando aproximaram a escada de sua porta perceberam que não ela servia e tiveram que retirá-la.

Por isso, se procurou outra escada, enquanto entre as delegações que esperavam se chegou a comentar a possibilidade de o avião ter que decolar de novo para aterrissar em Ezeiza.

Não foi necessário, e quase uma hora depois que o Airbus dos reis pousou, se pôde acoplar à sua porta uma escada com as caraterísticas necessárias e que é usada para o avião do presidente da Argentina, Mauricio Macri.

Com o problema solucionado, os reis desceram do avião pouco antes das 22h, foram recebidos com honras e cumprimentaram as autoridades que esperaram na pista durante todo esse tempo.

Felipe VI e dona Letizia foram depois para o hotel no qual vão ficar hospedados durante sua estadia em Buenos Aires por ocasião da visita de Estado, que termina na terça-feira, para deslocar-se depois à cidade de Córdoba para participar da inauguração do VIII Congresso Internacional da Língua Espanhola.

Felipe VI viajou várias vezes à Argentina, mas não o tinha feito até agora como rei.

A última vez que esteve no país foi como príncipe de Astúrias, quando em setembro de 2013 liderou a delegação que defendeu junto ao Comitê Olímpico Internacional (COI), reunido em Buenos Aires, a fracassada candidatura de Madri como sede dos Jogos de 2020. EFE

Mais Notícias