PUBLICIDADE
Topo
Entretenimento

Entretenimento

Ex-diretor da Playboy revela 'capa dos sonhos' e confusão com ex-BBB

Edson Aran contou alguns dos bastidores de seus sete anos como diretor da Playboy, como stress com Iris Stefanelli - Reprodução/Instagram
Edson Aran contou alguns dos bastidores de seus sete anos como diretor da Playboy, como stress com Iris Stefanelli Imagem: Reprodução/Instagram
do UOL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/02/2021 06h43Atualizada em 27/02/2021 01h31

Entre 2006 e 2013, Edson Aran esteve no comando da Playboy. O jornalista foi responsável por fechar capas com grandes estrelas da TV brasileira, mas compartilhou que os bastidores de algumas da negociações o tiravam noites de sono, revelando ainda que se frustrou por não conseguir sua "capa dos sonhos" durante seus anos na revista.

Apesar de também mencionar as negociações interrompidas com Luana Piovani e Babi Xavier, ele afirma que seu maior objetivo era um ensaio sensual estrelado por Carolina Dieckmann.

"Meu sonho era a Carolina Dieckmann na capa, mas não foi possível. Teve sondagem, mas nunca chegou a avançar. Na verdade, a gente sondava todo mundo", detalhou Aran em entrevista ao canal Clube de Vip, no Youtube.

Experiente, antes de entrar na Playboy, Aran foi redator-chefe da VIP, no final dos anos 1990, e passou um breve período como diretor de redação da Sexy, em 2003, antes de ingressar na Playboy.

Mas nem mesmo seus muitos anos de experiência eram capazes de driblar os problemas que surgiam durante as negociações, como as exigências mirabolantes de cachês.

"A gente ligava todo ano e ela não queria fazer. Ela sempre colocava uns cachês absurdos e inviáveis", afirmou ele, contando que, por outro lado, o contato com o empresário da atriz viabilizou uma outra capa bem-sucedida, a de Cleo Pires.

"Conversando com o agente da Carolina na época, ele disse que ela nunca toparia, mas que a Cleo, sim. Foi um cachê alto, me tirou muitas noites de sono", lembrou o ex-diretor da revista masculina, sobre a edição de 2010.

Ex-BBB "encheu o saco"

Lançando o livro de ficção "Histórias jamais contadas da literatura brasileira", Aran, de 57 anos, decidiu usar a rara entrevista para contar algumas histórias inéditas da vida real.

Ao comentar os bastidores difíceis da revista, ele mencionou que uma ex-BBB já o "encheu o saco".

"A Iris (Stefanelli) me encheu muito o saco na hora de fechar o contrato. Mas depois a gente ficou amigo, se encontrou em festa e tal. Mas na hora de fechar ela foi um porre", entregou ele sobre a integrante do "BBB 7".

Mas quando o assunto são convidadas difíceis, ele contou que já passou por momentos mais estressantes, dizendo que graças ao clima tenso chegou a rasgar um contrato muito batalhado mesmo após conseguir fechar um acordo com a estrela.

"Enchi o saco da mulher e disse que não faria mais, de tanto que ela encheu o saco", contou ele, sem citar nomes.

Já no fim da conversa, questionado se a atriz e apresentadora Babi Xavier havia negociado um segundo ensaio, depois de posar para a revista em 2003, Aran entregou.

"Aquela história do contrato rasgado, sabe...Mas não quero entrar em detalhes", completou.

Confira a conversa completa:

Entretenimento