PUBLICIDADE
Topo

Com formatos em baixa, por que a Record não investe em conteúdo próprio?

Marcos Mion em "A Fazenda"  - Reprodução / Internet
Marcos Mion em "A Fazenda" Imagem: Reprodução / Internet
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

do UOL

Colunista do UOL*

10/04/2020 00h06

A Record tem, hoje, à disposição vários formatos, entre eles o "The Four", "Canta Comigo", "Top Chef", "A Fazenda", "Power Couple" e "Made in Japão", além de outros de menor importância.

Todos, em comum, exigindo investimentos muito altos, mas sem apresentar resultados compensadores de audiência.

Pedir socorro às produtoras de conteúdos é uma tendência mundial, que se acentuou nos últimos anos. Só quepara um "Big Brother", também vem muita coisa que não serve.

Ou que não será aceita.

Por exemplo, o "Got Talent", sucesso até hoje nos Estados Unidos, aqui foi um fracasso histórico. A mesma coisa a Band, com o "Exathlon Brasil", de tão triste memória.

Além de juízo e um melhor critério, antes de qualquer aventura do tipo, é preciso avaliar, sempre com cuidado, as reais possibilidades de cada formato.

Voltando à Record e aos recursos que ela possui, por que não investir mais em produção própria e de qualidade?

Chamar para si a responsabilidade. Se o que está vindo há de fora não está servindo, por que não apostar na criatividade da produção brasileira?

Experimenta para ver.

"Band Repórter" pode provocar a volta de Ana Paula Padrão ao jornalismo - Reprodução/ Instagram
"Band Repórter" pode provocar a volta de Ana Paula Padrão ao jornalismo
Imagem: Reprodução/ Instagram

Possibilidade

Se tudo correr como se espera e para a Band for possível, ainda no decorrer deste ano, iniciar a produção do "Band Repórter", são boas as possibilidades de a sua equipe contar, eventualmente, com o reforço de Ana Paula Padrão.

A realização de reportagens especiais, que se encaixam ao espírito do programa, sempre esteve entre os desejos dela.

Gato no telhado

Todas as decisões relativas ao "Primeiro Impacto" sempre são tomadas por Silvio Santos.

E mais ninguém. No entanto, no SBT, são muito fortes os rumores que poderá não haver volta para o Marcão do Povo. Depois da suspensão, o afastamento definitivo.

Hora é agora

Este é o momento da direção do SBT refletir e pensar no melhor para a emissora.

Deixar seis horas e meia da programação diária nas mãos de Dudu Camargo e Marcão do Povo, continuando a fazer e falar o que bem entendem, ou colocar jornalismo sério no lugar. O que recomenda o bom juízo?

Coisa antiga

No SBT, e isso não é de agora, quando algo é muito criticado ou crescem os apelos por mudanças, é aí que tudo continua do mesmo jeito.

No entanto, em se tratando de jornalismo, ainda mais em momentos como os de agora, basta escolher o que será melhor para a imagem da emissora. Simples assim.

Perto do fim

Entre este mês e o próximo, a Band deve fazer o pagamento da última parcela da sua dívida com a TV Globo. O total nunca foi revelado, mas sabe-se que eram números próximos a duzentos milhões de reais.

Pendência de alguns anos, ainda referente aos diretos do futebol.

Kátia Maranhão quer disputar eleições em São Paulo - Arquivo pessoal
Kátia Maranhão quer disputar eleições em São Paulo
Imagem: Arquivo pessoal

Eleições

Kátia Maranhão, com história na TV, telejornais e programas como "Casseta & Planeta, Urgente", acaba de se filiar ao Partido Solidariedade.

E anuncia que já é pré-candidata a vereadora em São Paulo.

Tênis de qualidade

Neste final de semana, sábado (15h) e domingo (10h), o canal BandSports vai exibir duas das três conquistas do Gustavo Kuerten em Roland Garros.

Trabalho que vai envolver o narrador Oliveira Andrade e os comentaristas Flávio Saretta, Chiquinho Leite Moreira e Álvaro José.

Não está legal

As diversas mudanças realizadas ao longo desses últimos tempos, além de enfraquecer, também tiveram forte influência no ambiente interno do "Fofocalizando".

Há um certo descontentamento no ar. Talvez por aí se explique muita coisa, inclusive a queda na audiência.

Rádio

Levantamento feito pelo Kantar Ibope aponta que março foi um mês de alta para as rádios do Grupo Bandeirantes. De acordo com a pesquisa, cada ouvinte ficou, em média, 2h45 ligado na programação das emissoras. Juntas, elas atingiram mais de 468 mil ouvintes por minuto, conquistando um crescimento de 5% no número de ouvintes únicos. Isso representa mais de 5,2 milhões de pessoas na Grande São Paulo.

Com a cobertura da pandemia do novo coronavírus, a Rádio Bandeirantes e a BandNews FM cresceram 17% na faixa das 17h às 20h.

Cenário virtual

De acordo com o que a coluna informou, nessa parada da pandemia, o SBT pretende se valer em alguns programas
de um cenário virtual, inserindo imagens de pessoas, com diferentes reações.

Ratinho fez esse teste ontem na emissora e o recurso também poderá ser utilizado pelo "Domingo Legal". Ainda não tem data para exibição.

Missionário R.R. Soares promoveu cortes na RIT TV - Fernando Donasci/Folhapress
Missionário R.R. Soares promoveu cortes na RIT TV
Imagem: Fernando Donasci/Folhapress

Situação difícil - 1

Há bem poucos dias, protegido por uma máscara e usando horários na televisão, o missionário R.R. Soares fez um apelo para que os seus fiéis depositassem os dízimos na conta da igreja.

Mas que não parassem de contribuir e fizessem isso usando a internet, por transferências bancárias.

Situação difícil - 2

Por trás dessa atitude despudorada do pastor, por certo devem estar as muitas despesas da Igreja Internacional da Graça, entre elas, pagar valores bem elevados para Band e Rede TV!, onde tem horários comprados.

E uma situação que também o levou a reduzir drasticamente os quadros da sua emissora, a RIT TV. No primeiro dia da quarentena, 24 de março, foram despedidos 50 só em São Paulo e 80 no Brasil.

Bate - Rebate

* O tempo sobrando de muita gente pode ser medido pelos stories ao vivo do Instagram...

* ... Nunca, como agora nessa paralisação forçada, eles foram tantos.

* Esses acontecimentos todos, que levaram o SBT a suspender o Marcão do Povo também poderiam ser acompanhados de outras medidas...

* ... E muito mais saudáveis e interessantes...

* ... Por que não usar todo esse horário, ou até parte dessas seis horas e meia, para o lançamento de um telejornal decente...

* ... E em condições de atender melhor ao seu público...

* ... Profissionais para isso existem e aí mesmo no jornalismo SBT.

* Além do "Pânico", outro programa que marcou história na Rede TV! foi o "Late Show", comandado por Luisa Mell, entre 2002 e 2008...

* ... É outro que o público gostaria muito de rever nessa programação especial de 20 anos nas noites de sexta-feira....

* ... E, além dele, alguma coisa do "Saturday Night Live", do Rafinha Bastos...

* ... Em se tratando dos dois, é bem improvável.

* Com apresentação de Eduardo Castro, o BandNews apresenta nesta sexta-feira, a partir de 21h30, um documentário especial sobre o novo coronavírus...

* ... O programa entra inclusive em um hospital de Nova York e aborda também o trabalho realizado na China.

*Colaborou José Carlos Nery

Entretenimento